Chevron usa 17 navios para conter vazamento no Rio

Peixes j aparecem mortos nas proximidades do Campo do Frade, a 370 km da costa. Multinacional Chevron, responsvel pelo vazamento, mobiliza 17 navios na tentativa de controle

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Rio 247 - A empresa Chevron Brasil continua trabalhando para controlar a mancha de óleo que vazou nas proximidades do Campo Frade, situado a 370 quilômetros a nordeste da costa do Rio, na Bacia de Campos. Segundo a empresa, uma frota de 17 navios de apoio, pertencentes à empresa e cedidos por companhias do setor de petróleo, atuam na Bacia de Campos para controlar a mancha.

“A frota está trabalhando ininterruptamente no suporte à operação, que inclui a utilização de boias de contenção, skimmers e técnicas de recuperação”, detalhou a empresa. O Campo de Frade fica em lâmina d’água de 1.200 metros, próximo ao Campo de Roncador — um dos maiores produtores de petróleo do País, operado pela Petrobras.

O derramamento, causado por um acidente na terça-feira, dia 8, foi divulgado quinta-feira-feira, no mesmo dia da passeata ‘Contra a Injustiça — em Defesa do Rio’, promovida pelo governo do estado. Nesta sexta-feira (11), a presidente Dilma determinou rigorosa apuração dos fatos.

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email