Comandante do Exército sofre acidente de cavalo e passará por cirurgia

O general Edson Leal Pujol fraturou o fêmur enquanto cavalgava no Regimento Dragões da Independência, em Brasília

General Edson Pujol
General Edson Pujol (Foto: Edson Leal Pujol - ANPr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik Brasil - Neste sábado (28), o general Edson Leal Pujol, comandante do Exército brasileiro, sofreu um acidente enquanto cavalgava e fraturou o fêmur.

Conforme publicou o portal G1, com informações do Centro de Comunicação do Exército, Pujol segue internado no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, e passará por cirurgia. A instituição afirma que o general está bem e foi submetido a exames.

O general Edson Leal Pujol sofreu o acidente enquanto andava a cavalo no Regimento Dragões da Independência, em Brasília.

Pujol ganhou notoriedade por declarações ao longo do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), posicionando-se pela independência política do Exército. No início da pandemia, Pujol também gravou mensagem aos seus comandados ressaltando a gravidade da crise sanitária.

No mais recente posicionamento do general, Pujol declarou que o Exército não tem partido político e não pertence ao governo. A declaração veio na mesma semana em que Bolsonaro falou em usar pólvora para defender a Amazônia ao comentar declarações do democrata norte-americano, Joe Biden, sobre possíveis sanções ambientais contra o Brasil.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247