"Comunicação é aliada do governo na crise", diz André Curvello

Secretário de Comunicação do Estado, André Curvello, afirma que a comunicação tem sido usada para superar o momento de crise; "A secretaria de Comunicação tem hoje um papel regulador, o mercado de comunicação em geral, todos passam por esse momento de crise. Estamos seguindo um planejamento para conseguir ser regular com o mercado"; a educação é uma das principais preocupações do governador Rui Costa, e a comunicação tem sido usada para disseminar os conteúdos; "Eu falei para as agências de publicidade do governo: vamos fazer uma coisa nova, diferente e criativa, além de mostrar que temos responsabilidade. A questão das drogas é utilidade pública", diz Curvello

Secretário de Comunicação do Estado, André Curvello, afirma que a comunicação tem sido usada para superar o momento de crise; "A secretaria de Comunicação tem hoje um papel regulador, o mercado de comunicação em geral, todos passam por esse momento de crise. Estamos seguindo um planejamento para conseguir ser regular com o mercado"; a educação é uma das principais preocupações do governador Rui Costa, e a comunicação tem sido usada para disseminar os conteúdos; "Eu falei para as agências de publicidade do governo: vamos fazer uma coisa nova, diferente e criativa, além de mostrar que temos responsabilidade. A questão das drogas é utilidade pública", diz Curvello
Secretário de Comunicação do Estado, André Curvello, afirma que a comunicação tem sido usada para superar o momento de crise; "A secretaria de Comunicação tem hoje um papel regulador, o mercado de comunicação em geral, todos passam por esse momento de crise. Estamos seguindo um planejamento para conseguir ser regular com o mercado"; a educação é uma das principais preocupações do governador Rui Costa, e a comunicação tem sido usada para disseminar os conteúdos; "Eu falei para as agências de publicidade do governo: vamos fazer uma coisa nova, diferente e criativa, além de mostrar que temos responsabilidade. A questão das drogas é utilidade pública", diz Curvello (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - Em entrevista à rádio Metrópole nesta quarta-feira (12), o secretário de Comunicação do Estado, André Curvello, falou sobre as metas da gestão do governador Rui Costa (PT). "Com planejamento chegamos com responsabilidade, prestar contas é o principal objetivo e atender as demandas do governador", afirma sobre o papel da pasta no governo.

Ainda segundo Curvello, a comunicação tem sido usada para superar o momento de crise. "A secretaria de comunicação tem hoje um papel regulador, o mercado de comunicação em geral, todos passam por esse momento de crise. Estamos seguindo um planejamento para conseguir ser regular com o mercado".

A educação é uma das principais preocupações do governador, segundo André Curvello, e a comunicação tem sido usada para disseminar os conteúdos.

"Eu falei para as agências de publicidade do governo: vamos fazer uma coisa nova, diferente e criativa, além de mostrar que temos responsabilidade. A questão das drogas é utilidade pública. Os veículos têm seus programas com esses assuntos, mas são colocados em horários de menor audiência, justamente porque são mais baratos. Na Globo em horário nobre você não vê essas mensagens, nem no poder público, mas estamos tentando, por orientação de Rui, quebrar esse paradigma", disse André Curvello.

Segundo o secretário, o governo está tentando emplacar as ações do Programa Pacto Pelo Vida na televisão aberta. "Estamos tentando veicular em horário nobre, ousamos em valorizar o garoto do Subúrbio, MC Feijão, o jingle foi feito por um garoto de escola pública, ficou muito legal".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email