Correia sobre Judiciário: a coisa tá escancarada demais

Após criticar a prisão e a condenação do ex-presidente Lula, o deputado estadual Rogério Correia (PT), candidato a deputado federal, ressaltou que o STF e a PGR "livravam Jair Bolsonaro e Aécio Neves de inquéritos"

Correia sobre Judiciário: a coisa tá escancarada demais
Correia sobre Judiciário: a coisa tá escancarada demais (Foto: Divulgação)

Minas 247 - O deputado estadual Rogério Correia (PT), candidato a deputada federal, criticou o judiciário brasileiro, que, de acordo com o parlamentar, "tem lado, e sempre foi o dos mais fortes. Mas a coisa tá escancarada demais...".

"O Judiciário fez de tudo e mais um pouco para impedir Lula, atropelando prazos, acelerando processos, cometendo ilegalidades que culminaram numa sentença condenatória que não conseguiu apresentar uma única prova condenatória - por mais contraditório que isso possa soar", afirmou Correia no Twitter.

"Enquanto isso, em Brasília, num intervalo de horas, STF e Procuradoria-Geral da República livravam Jair Bolsonaro e Aécio Neves de inquéritos. O primeiro de racismo, crime previsto na constituição do país (aquele livro que foi ultrajado na queda da presidenta eleita pelo povo!). O segundo, nosso velho conhecido Aécio Neves, era acusado de enviar registros bancários falsos à CPMI dos Correios, em 2005 e 2006". 

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247