Crescem os indícios do retorno de Friboi

PMDB continua inerte e aliados do empresário trabalham para que ele volte como candidato ao governo já nesta semana; Daniel Vilela e Sandro Mabel foram sondados e descartaram entra na disputa; Iris Rezende ainda mantém silêncio e grupo de Friboi garante que ele derrota o ex-governador numa possível prévia; Friboi avisou que está atuando nos bastidores e sua estrutura de campanha não foi desmontada

Na foto Jose Batista Junior (Junior Friboi).
Materia sobre entrevista com Junior Friboi.
Editoria de Politica.
Local: Jornal O Hoje.
03/09/2013
Foto: Jota Euripedes
Na foto Jose Batista Junior (Junior Friboi). Materia sobre entrevista com Junior Friboi. Editoria de Politica. Local: Jornal O Hoje. 03/09/2013 Foto: Jota Euripedes (Foto: José Barbacena)

Goiás247 - O retorno de Júnior Friboi como candidato ao governo pelo PMDB não está descartado. A inércia tomou conta do partido desde que o empresário recuou da candidatura. Ao contrário do que muitos peemedebistas imaginavam, Iris Rezende não reativou de imediato seu projeto e a legenda, neste momento, está sem nome para o pleito.

Assim que desistiu, Friboi afirmou que sua decisão era "irrevogável" e na sua carta estava escrito que participaria como cidadão. Esta última parte já mudou. O empresário admite que vai atuar na composição de uma chapa dentro do PMDB e que vai participar da disputa eleitoral.

Nesta semana, os nomes dos deputados Daniel Vilela e Sandro Mabel foram especulados como candidatos ao governo no grupo de Friboi. Só que os dois avisaram que estão fora e não querem saber de candidatura.

Como toda a estrutura de campanha de Júnior não foi desmontada, as especulações em torno da volta do empresário crescem. Até porque ele continua tendo o apoio da maioria dos deputados e seus aliados garantem que num possível enfrentamento com Iris na convenção, Friboi venceria fácil.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247