CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Crise atinge Traffic, do poderoso J. Hawilla

Dona de passes de jogadores de futebol comoRonaldinho Gacho, empresaenfrenta problemas; presidente executivo foi demitido, mais cortes previstos; dificuldade com bancos

Crise atinge Traffic, do poderoso J. Hawilla (Foto: Divulgação)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

A empresa Traffic, de J.Hawilla, segundo homem mais poderoso do futebol brasileiro (o primeiro é Ricardo Teixeira, presidente da CBF), passa por um período delicado e promove grande reestruturação interna, inclusive com muitas demissões, até mesmo – para o espanto de alguns – do presidente Júlio Mariz, braço direito na condução dos negócios do dia a dia.

Ex-funcionários relatam que a empresa de marketing esportivo não estaria conseguindo obter os vultosos empréstimos bancários com os quais está acostumada (altos executivos de alguns bancos privados dizem que estão cansados com a forma pedinte de Hawilla), o que poderia lhe dar um certo fôlego, depois de uma série de investidas que ainda não apresentaram o rendimento projetado.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Aos poucos, a Traffic deverá se livrar de jogadores (hoje há 90 no total) e voltar a se concentrar em venda de placas nos estádios. Há quem acredite também que o insucesso da Rede Bom Dia de jornais (pertencente a Hawilla) – que controla os periódicos Diário de S.Paulo, Bom Dia Jundiaí, Bom Dia Bauru, Bom Dia Rio Preto, Bom Dia Fernandópolis, Bom Dia Marília e Bom Dia Catanduva – teria contribuído para a grave crise financeira que assola o grupo.

Além dos jornais, o dirigente é dono da TV TEM (afiliada da Rede Globo) e da produtora de conteúdo TV 7. Em tempo: a Traffic deve mais de R$ 2,5 milhões a Ronaldinho Gaúcho, e a dívida com o craque rubro-negro não deve ser paga esse ano.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Matéria publicada originalmente no portal Panorama Mercantil.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO