Cruzeiro vence o Goiás e conquista o tetracampeonato

Para que o tetracampeonato se confirmasse, bastava três pontos, que foram conquistados, e com eles, os cruzeirenses foram a 76 pontos, sete a mais que o vice-líder, São Paulo e não será mais possível ultrapassar essa pontuação, com apenas mais dois jogos

Para que o tetracampeonato se confirmasse, bastava três pontos, que foram conquistados, e com eles, os cruzeirenses foram a 76 pontos, sete a mais que o vice-líder, São Paulo e não será mais possível ultrapassar essa pontuação, com apenas mais dois jogos
Para que o tetracampeonato se confirmasse, bastava três pontos, que foram conquistados, e com eles, os cruzeirenses foram a 76 pontos, sete a mais que o vice-líder, São Paulo e não será mais possível ultrapassar essa pontuação, com apenas mais dois jogos (Foto: Luis Mauro Queiroz)

Por Camila Andrade, do Futnet

O Campeonato Brasileiro, está em sua reta final. E final, era o clima no estádio do Mineirão, na tarde deste domingo, valendo o título antecipado para o Cruzeiro enfrentaria o Goiás, pela 36ª rodada. Os cerca de 55 mil torcedores puderam soltar o grito de campeão, ao ver o time mineiro vencer os goianos por 2 a 1.

Para que o tetracampeonato se confirmasse, bastava três pontos, que foram conquistados, e com eles, os cruzeirenses foram a 76 pontos, sete a mais que o vice-líder, São Paulo e não será mais possível ultrapassar essa pontuação, com apenas mais dois jogos.

Já o Goiás, sem muitas ambições na competição nacional e somente querendo pontuar, até mesmo para tentar acabar com a festa antecipada dos cruzmaltinos, não conseguiram segurar esse time só na vontade. E permanece com

E não poderia ser diferente. O Cruzeiro precisava buscar jogo para abrir o marcador e foi exatamente o que fez a equipe celeste. Com 12 minutos, do primeiro tempo, placar inaugurado, no Mineirão. Após Mayke cruzar, Ricardo Goulart recebeu e de cabeça, mandou para o fundo das redes. E o atacante se igualou ao palmeirense Henrique, na artilharia, com 15 gols no campeonato.

Após o tento, os anfitriões permaneceram dominando a partida, mas, dez minutos depois, o Goiás empatou, com Samuel, batendo no ângulo esquerdo do goleiro Fabio. Após a igualdade, o jogo ficou mais truncado, muito em decorrência do estado do gramado, que com a chuva e com uma drenagem ruim, haviam muitas poças.

Na etapa final, mais Cruzeiro e mais domínio de jogo. Enquanto, por volta de onze minutos, a Rapoza via o São Paulo anotar o gol, que poderia adiar o título, eles ainda permaneciam vivos e aos 17 minutos, tratou de se garantir com vitória. Éverton Riveio, antecipado, recebeu o cruzamento de Willian e estava lá, dentro das traves. E pelo placar de 2 a 1, o Mineirão pode enfim, comemorar o quarto título brasileiro do Cruzeiro.

O campeão brasileiro, agora volta a campo, para tentar o título da Copa do Brasil, diante do Atlético/MG, na próxima quarta-feira, no Mineirão e precisa vencer por uma diferença de três gols para conseguir a Tríplice Coroa. Pelo Brasileirão, joga domingo, às 17h, na Arena Condá, contra o Chapecoense. No mesmo dia, mas às 19h30, na Arena da Baixada, o Goiás pega o Atlético/PR.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247