CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Dafiti entra no mercado de luxo online

Maior e-commerce brasileiro de moda inaugura presença premium com 75 marcas. R$ 500,00 é o preço médio

Dafiti entra no mercado de luxo online (Foto: Shutterstock)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Luciane Macedo _247 - Depois de se tornar a maior varejista de moda da internet brasileira em apenas um ano de existência, a Dafiti acaba de ingressar no mercado de luxo. No ar há duas semanas, a Dafiti Premium oferece produtos selecionados, de marcas e designers nacionais e internacionais, ao público de alto poder aquisitivo.

Talie NK, Carina Duek, Thelure, 7 for all Mankind, G-Star, Gloria Coelho, Serpui Marie e Adriana Degreas são algumas das marcas no portfólio premium. A presença virtual de luxo da Dafiti já reúne, neste início, 75 marcas e 6 mil produtos. O preço médio é de R$ 500,00 -- mas a seção "sale" tem mais de mil peças com descontos que chegam a mais de 50%. A loja ainda traz uma área dedicada às tendências de moda da estação.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"A Dafiti quer proporcionar a melhor experiência e se tornar a primeira opção de compra online de moda, oferecendo conveniência, excelência nos serviços e um ambiente exclusivo e orientado, fatores muito relevantes para o público premium", comenta Malte Huffmann, sócio-fundador da Dafiti. "Para nós, conveniência significa ter um portfólio interessante e completo, que acaba de ser ampliado e qualificado".

A Dafiti Premium é a terceira loja independente da marca. A segunda foi a Dafiti Sports, inaugurada em agosto e voltada ao e-commerce de artigos esportivos. Tudo começou em janeiro de 2011, com a Dafiti, que vendia apenas calçados femininos. A loja expandiu a gama de produtos para incluir roupas, bolsas e acessórios, moda praia, artigos para casa e decoração, além de produtos de beleza. A Dafiti também passou a atender, além das mulheres, aos públicos masculino e infantil.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Um modelo para empreendedores

O segredo de todo esse sucesso em tão pouco tempo de operações, o que já é chamado de "efeito Dafiti", vem de uma combinação de fatores, começando pela análise de mercado, que mostrou não só a viabilidade do negócio, mas principalmente seu potencial de crescimento no e-commerce brasileiro.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Assim, uma operação que começou viabilizada por uma incubadora europeia de startups, a Rocket Internet, tem hoje o JP Morgan Asset Management entre seus sócios. O banco investiu US$ 45 milhões na empresa em agosto, o que lhe garantiu participação minoritária nos negócios por meio de uma holding.

A Rocket, aliás, destaca-se pela escolha das startups em que aposta: grande parte delas vira líder de mercado, como foi o caso da Dafiti. Além de Huffman, que é alemão, a varejista virtual tem outros três sócios-fundadores: Malte Horeyseck, também alemão, o francês Thibaud Lecuyer e o brasileiro Philipp Povel. Os quatro estão no comando do negócio.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Outro ingrediente do sucesso da Dafiti -- e, talvez, em se tratando do varejo online brasileiro, o mais importante --, foi o atendimento de qualidade e as facilidades oferecidas ao consumidor com o objetivo de fidelizá-lo.

Todas as lojas da Dafiti têm frete grátis, parcelamento em até 12 vezes e certificação digital de transações 100% seguras. Além disso, a Dafiti faz a retirada gratuita de produtos em até 30 dias no caso de trocas e devoluções.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO