Decisão da Justiça dá fôlego a subsidiária da Delta

Concorrentes numa licitação bilionária do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), vinculado à Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos do governo de São Paulo, questionaram a legitimidade da Técnica Construções, mas tiveram pedido negado; construtora de Fernando Cavendish foi declarada inidônea pelo TCU

Decisão da Justiça dá fôlego a subsidiária da Delta
Decisão da Justiça dá fôlego a subsidiária da Delta

SP247 – Questionada por seus concorrentes na participação de uma licitação bilionária do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), vinculado à Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos do governo paulista, de Geraldo Alckmin (PSDB), a Técnica Construções, subsidiária da construtora Delta, ganhou um fôlego no processo.

Decisão da 5ª Vara da Fazenda Pública da Capital rejeitou pedido dos concorrentes, que apontavam incapacidade da companhia e alertavam para a extensão da inidoneidade da Delta Construções, do empresário Fernando Cavendish, para sua subsidiária integral. Após a parcial vitória, a direção da empresa garante que lutará até o fim para ser contratada.

À Folhapress, o diretor-executivo da Delta Dionísio Janoni Tolomei afirmou que não recebeu nenhum comunicado oficial a respeito de desqualificação da empresa pelo governo do Estado e disse que irá à Justiça se a Técnica for retirada dos dois processos de licitações que participa e que estão em fase de avaliação do governo.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247