CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Del Nero diz que quer acompanhar investigações de perto

Presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, desembarcou nesta madrugada no Rio de Janeiro, após deixar o congresso da Fifa, em Zurique, onde a entidade escolherá hoje seu novo presidente; "Vou para casa tomar banho. Depois, vou para a CBF para esclarecer tudo", disse o dirigente, que deve dar uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira; ele marcou uma reunião com dirigentes da CBF para discutir a provável instalação de uma CPI no Senado para investigar irregularidades no futebol brasileiro

Imagem Thumbnail
Presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, desembarcou nesta madrugada no Rio de Janeiro, após deixar o congresso da Fifa, em Zurique, onde a entidade escolherá hoje seu novo presidente; "Vou para casa tomar banho. Depois, vou para a CBF para esclarecer tudo", disse o dirigente, que deve dar uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira; ele marcou uma reunião com dirigentes da CBF para discutir a provável instalação de uma CPI no Senado para investigar irregularidades no futebol brasileiro (Foto: Paulo Emílio)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, desembarcou na madrugada desta sexta-feira 29, no Rio de Janeiro, após deixar o congresso da Fifa, em Zurique, na Suíça, um dia antes de e entidade máxima do futebol escolher seu novo presidente. A eleição deve acontecer nas próximas horas.

Del Nero retornou ao Brasil no dia seguinte às prisões de dirigentes da Fifa suspeitos de envolvimento em casos de corrupção no futebol, que incluem seu antecessor, José Maria Marin. "Vou para casa tomar banho. Depois, vou para a CBF para esclarecer tudo", disse Del Nero, que deve conceder uma entrevista coletiva ainda hoje.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Ao SBT, ele disse que voltou ao Brasil para acompanhar de perto o andamento das investigações no País e a provável instalação de uma CPI do Futebol no Senado. O pedido de abertura da comissão para investigar irregularidades no futebol brasileiro foi solicitada pelo deputado e ex-jogador Romário (PSB-RJ).

"O que aconteceu, com essa prisão, fez com que eu voltasse para o Rio de Janeiro, para a CBF, para acompanhar os fatos de perto e para prestar todos os esclarecimentos necessários", disse Del Nero. Ele convocou para esta sexta uma reunião com dirigentes da CBF.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO