DEM quer Maciel vereador, mas ainda não fez o convite

Ningum do partido procurou o ex-vice-presidente da Repblica; Ainda no se sabe se ele topar a misso; O mesmo vale para o ex-prefeito do Rio de Janeiro Csar Maia (RJ) e o ex-senador Herclito Fortes (PI)

DEM quer Maciel vereador, mas ainda não fez o convite
DEM quer Maciel vereador, mas ainda não fez o convite (Foto: Beto Oliveira/SEFOT-SECOM)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Gilberto Prazeres_247 – Quem fará o convite ao ex-vice-presidente da República e ex-senador, Marco Maciel (DEM), para que ele dispute uma vaga de vereador no Recife, nas eleições do próximo ano? Até o momento, ninguém se habilitou. Apesar de o comando nacional do Democratas ter externado o desejo de vê-lo na briga pela vereança, Maciel não foi procurado pelos correligionários. Ainda ão se sabe se o ex-parlamentar topará a missão partidária, que, para figuras como o ex-ministro Gustavo Krause (DEM), é vista “o caminho” para a reconstrução do DEM que se fragilizou demais nos últimos anos, como legenda do campo oposicionista.

Nos bastidores do partido, há o entendimento de que os grandes medalhões, que não conseguiram renovar seus mandatos no pleito passado, precisariam se reaproximar da população. Por gozarem de prestígio diferenciado em suas cidades, nomes como o de Marco Maciel, o do ex-prefeito do Rio de Janeiro César Maia e o do ex-senador piauiense Heráclito Fortes não encontrariam dificuldade para se elegerem, segundo seus correligionários. E, por tabela, engrossariam as fileiras das bancadas democratas nas Câmaras Municipais de suas respectivas cidades.

Entretanto, ainda não foi discutido qual seria o formato do convite aos figurões. Há o receio de que alguns deles, por conta da trajetória, não encarem com bons olhos uma missão como esta. No Recife, o chamamento a Marco Maciel só deverá ser feito no próximo ano, durante os debates para a composição de chapas proporcionais. Até lá, o ex-vice-presidente seguirá despachando na sede nacional do partido, em Brasília, sem ser “incomodado”.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email