Deputado desiste de disputar reeleição

O deputado federal pelo PSD de Alagoas, João Lyra, desistiu formalmente de disputar uma vaga na Câmara Federal; o principal motivo é a crise enfrentada pelas suas empresas que tiveram o pedido de falência decretado pela justiça alagoana no início deste ano

O deputado federal pelo PSD de Alagoas, João Lyra, desistiu formalmente de disputar uma vaga na Câmara Federal; o principal motivo é a crise enfrentada pelas suas empresas que tiveram o pedido de falência decretado pela justiça alagoana no início deste ano
O deputado federal pelo PSD de Alagoas, João Lyra, desistiu formalmente de disputar uma vaga na Câmara Federal; o principal motivo é a crise enfrentada pelas suas empresas que tiveram o pedido de falência decretado pela justiça alagoana no início deste ano (Foto: Voney Malta)

 Alagoas247 - Os advogados do deputado federal João Lyra, PSD-AL, protocolaram, nesta terça-feira, 2, a tarde, o pedido de renúncia na disputa da Câmara Federal junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL).

Sem condições de concorrer, JL se reuniu com seus assessores e avaliou que o melhor era formalizar a sua saída da disputa, segundo anuncia em seu blog na gazetaweb.com o jornalista Edivaldo Junior.

O deputado federal vem enfrentando dificuldades políticas, que foram agravadas depois que suas empresas tiveram o pedido de falência decretado, em fevereiro deste ano, pelo TJ/AL.

João Lyra é o principal acionista da Laginha Agroindustrial S/A, um grupo que reúne cinco usinas de açúcar, sendo duas em Minas Gerais e três em Alagoas. O afastamento do empresário do comando das empresas deve ter influenciado decisivamente na sua renúncia a disputa pela reeleição.

João Lyra era, entre os candidatos nas eleições de 2014, o mas rico de Alagoas e um dos mais ricos do Brasil, com patrimônio declarado de R$ 246 milhões.

Fora da política, João Lyra deve enfrentar dificuldades crescentes para retomar o controle de suas empresas e vai responder a processos – como a denúncia de trabalho escravo – na Justiça Comum.

Com gazetaweb.com

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247