Derval: Gaguim é um 'profundo irresponsável'

Depois da deputada Josi Nunes (PMDB), agora o presidente do PMDB no Tocantins, Derval de Paiva, negou com veemência nesta quinta-feira, 13, que a Executiva Nacional do PMDB tenha lhe dado prazo até segunda-feira, 17, para recompor as 51 comissões provisórias formalizadas pela ministra Kátia Abreu; Derval não poupou críticas ao deputado Carlos Gaguim, a quem acusa de divulgar informações "mentirosas" sobre a situação do partido; "Esse moço [Gaguim] é um profundo irresponsável. Ele já tem idade suficiente para mudar o comportamento", criticou; "Uma pessoa que já fez panfletagem contra o vice-presidente Michel Temer e que atacava rotineiramente a honra da ministra Kátia Abreu", afirmou; para Derval, Gaguim "inviabiliza sua candidatura a prefeito de Palmas pelo PMDB"

Depois da deputada Josi Nunes (PMDB), agora o presidente do PMDB no Tocantins, Derval de Paiva, negou com veemência nesta quinta-feira, 13, que a Executiva Nacional do PMDB tenha lhe dado prazo até segunda-feira, 17, para recompor as 51 comissões provisórias formalizadas pela ministra Kátia Abreu; Derval não poupou críticas ao deputado Carlos Gaguim, a quem acusa de divulgar informações "mentirosas" sobre a situação do partido; "Esse moço [Gaguim] é um profundo irresponsável. Ele já tem idade suficiente para mudar o comportamento", criticou; "Uma pessoa que já fez panfletagem contra o vice-presidente Michel Temer e que atacava rotineiramente a honra da ministra Kátia Abreu", afirmou; para Derval, Gaguim "inviabiliza sua candidatura a prefeito de Palmas pelo PMDB"
Depois da deputada Josi Nunes (PMDB), agora o presidente do PMDB no Tocantins, Derval de Paiva, negou com veemência nesta quinta-feira, 13, que a Executiva Nacional do PMDB tenha lhe dado prazo até segunda-feira, 17, para recompor as 51 comissões provisórias formalizadas pela ministra Kátia Abreu; Derval não poupou críticas ao deputado Carlos Gaguim, a quem acusa de divulgar informações "mentirosas" sobre a situação do partido; "Esse moço [Gaguim] é um profundo irresponsável. Ele já tem idade suficiente para mudar o comportamento", criticou; "Uma pessoa que já fez panfletagem contra o vice-presidente Michel Temer e que atacava rotineiramente a honra da ministra Kátia Abreu", afirmou; para Derval, Gaguim "inviabiliza sua candidatura a prefeito de Palmas pelo PMDB" (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 - O presidente do PMDB no Tocantins, Derval de Paiva, negou com veemência nesta quinta-feira, 13, a informação do deputado federal Carlos Gaguim (PMDB), de que a Executiva Nacional do PMDB tenha lhe dado prazo até segunda-feira, 17, para recompor as 51 comissões provisórias formalizadas pela ministra Kátia Abreu, quando esteve à frente do partido. 

Derval de Paiva disparou duras críticas contra Gaguim, a quem acusa de divulgar informações "mentirosas" sobre a situação do partido. "Esse moço [Gaguim] é um profundo irresponsável. Ele já tem idade suficiente para mudar o comportamento", criticou Derval, segundo o Blog CT (leia aqui). "Uma pessoa que já fez panfletagem contra o vice-presidente Michel Temer e que atacava rotineiramente a honra da ministra Kátia Abreu", afirmou.

Derval garantiu ter cumprido cabalmente os três compromissos feitos com o grupo da ministra Kátia Abreu: 50% para o ela e outros 50% para o grupo do governador Marcelo Miranda no diretório regional, na executiva regional e nos delegados junto à convenção nacional. Conforme o presidente, em reunião com o vice-presidente da República, Michel Temer, no dia 12 de maio — três dias antes de Derval assumir a presidência do diretório — lhe foi pedido que mantivesse as 51 comissões provisórias do grupo da ministra.

"Disse que não poderia assumir esse compromisso, até porque não dependia só mim. As comissões venceriam no dia 1º de julho, como venceram, e decidiríamos em conjunto na executiva sobre o que fazer. Não seria uma decisão minha", pontuou o presidente.

Gaguim o acusou de descumprir o acordo com Kátia. Segundo ele, no momento em que a ministra Kátia Abreu foi ao gabinete do governador Marcelo Miranda, em que todos têm a esperança de um entendimento entre eles, "aparece esse irresponsável para inventar mentiras e plantar notícias falsas".

Para Derval, com suas declarações e comportamento, Gaguim "inviabiliza sua candidatura a prefeito de Palmas pelo PMDB". "Terá que mudar se quiser ser candidato pelo partido, até porque esse moço corre o risco de perder para ele mesmo, como aconteceu em 2010", disse Derval, lembrando quando Gaguim, então governador, perdeu a campanha à reeleição para o ex-governador Siqueira Campos (PSDB), por uma diferença de pouco mais de 7 mil votos.

Leia também: Josi rebate: "Gaguim tenta desestabilizar o PMDB"

PMDB dá prazo a Derval para restabelecer comissões

Derval suspende comissões nomeadas por Kátia

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email