Desistência de fechar capital pode aumentar problemas de Elon Musk na Tesla

Musk surpreendeu os investidores com a proposta de fechar o capital da Tesla em 7 de agosto, publicando no Twitter que ele tinha “financiamento garantido” para o negócio, que avaliaria a empresa em 72 bilhões de dólares.

Desistência de fechar capital pode aumentar problemas de Elon Musk na Tesla
Desistência de fechar capital pode aumentar problemas de Elon Musk na Tesla

(Reuters) - A decisão do presidente-executivo da Tesla, Elon Musk, de abandonar abruptamente o plano de fechar capital da montadora de veículos elétricos não resolverá seus crescentes problemas legais e regulatórios, e pode até piorá-los, disseram alguns advogados.

Explicando sua decisão no site da empresa na noite de sexta-feira, o presidente-executivo da Tesla disse que fechar o capital da empresa “seria mais demorado e perturbador do que o inicialmente previsto” e que “a maioria dos acionistas da Tesla acredita que estamos em melhor situação como uma empresa pública”.

Musk surpreendeu os investidores com a proposta de fechar o capital da Tesla em 7 de agosto, publicando no Twitter que ele tinha “financiamento garantido” para o negócio, que avaliaria a empresa em 72 bilhões de dólares. Em um tuíte separado, ele escreveu: “O apoio do investidor está confirmado.”

Musk e Tesla estão enfrentando ações judiciais de investidores e uma investigação da Securities and Exchange Commission (SEC) sobre o que verdade havia nos tuítes do executivo, publicou o Wall Street Journal.

O órgão regulador norte-americano não confirmou essas informações à Reuters e um porta-voz da Tesla se recusou a comentar o assunto.

“A SEC continuará sua investigação até que esteja convencida de que está a par dos fatos”, disse Stephen Crimmins, um advogado do escritório Murphy&McGonigle, que trabalhou 14 anos no órgão.

“O que aconteceu na sexta-feira será de interesse para a SEC, porque isso permitirá que eles investiguem se Musk não tinha uma base razoável para sua declaração (no Twitter). Eles farão perguntas sobre ele e outros envolvidos na decisão (de fechar capital) e por que ele voltou atrás.”

Musk mantém declaração original de que acreditava que um acordo para fechar capital da empresa era possível, e uma pessoa familiarizada com as discussões disse à Reuters que o executivo levava a sério a idéia de tirar a montadora da bolsa.

Mas agir de boa fé pode não ser suficiente para ajudar Musk a escapar da atenção do regulador.

A legislação dos EUA exige que os executivos de empresas listadas em bolsa tenham uma “base razoável” para fazer declarações aos investidores e isso provavelmente será o foco de uma investigação da SEC, disseram três advogados da área.

Ainda não está claro o que Musk quis dizer com “financiamento garantido”. Em uma declaração em 13 de agosto, Musk disse que deixou uma reunião em 31 de julho com o diretor do fundo soberano da Arábia Saudita “sem dúvida de que um acordo... poderia ser fechado.”

Por Michelle Price

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247