Destino da Sky pode ser decidido por raro leilão

O Painel Britânico de Aquisições disse que estava preparado para dar um raro passo e intervir na disputa pela Sky promovendo um leilão que dure no máximo três rodadas.

Destino da Sky pode ser decidido por raro leilão
Destino da Sky pode ser decidido por raro leilão

(Reuters) - Uma prolongada guerra de ofertas de 34 bilhões de dólares pela empresa europeia de mídia Sky entre as rivais norte-americanas Comcast e Twenty-First Century Fox poderia ser resolvida por um rápido leilão sábado, disseram reguladores britânicos nesta quinta-feira.

O Painel Britânico de Aquisições disse que estava preparado para dar um raro passo e intervir na disputa pela Sky promovendo um leilão que dure no máximo três rodadas.

O processo vai começar se nem a Comcast ou a Fox tiverem admitido derrota na briga pela Sky até as 17h (horário de Londres) de sexta-feira.

O leilão vai então acontecer sábado e ser concluído à noite, quando o regulador vai anunciar o nível de ofertas submetidas pelos concorrentes.

Isso marcaria uma solução dramática para o destino da Sky, que está no ar desde que a Fox fez sua primeira oferta pelos 61 por cento da Sky que ainda não detém, em dezembro de 2016.

A Comcast, maior grupo de entretenimento do mundo, atualmente lidera a disputa com uma oferta de 14,75 libras por ação pelo controle da Sky, o que avalia a empresa em 25,9 bilhões de libras.

Os números superam a oferta de 14 libras por ação feita pela Fox em julho e ficam 37 por cento acima da proposta original da Fox, de 10,75 libras por ação, feita em 2016.

Um leilão pela Sky seria o maior acordo no Reino Unido a ser decidido desta forma.

Até o momento houve apenas três situações de aquisição britânica desde 2007 que envolveram leilões coordenados pelo regulador, incluindo a venda de 6,2 bilhões de libras da siderúrgica Corus para a indiana Tata Steel, de acordo com análises da Reuters.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247