Dilma anuncia verba para infraestrutura em Goiás

Plano de Investimentos em Logística de Rodovias e Ferrovias prevê investimentos de R$ 133 bilhões, R$ 42 bilhões em rodovias e R$ 91 bilhões em ferrovias; presente ao evento, governador Perillo diz que para Goiás plano contempla as BRs 153, 050 e 040 e as ferrovias Norte-Sul e Oeste-Leste; uma nova ferrovia vai ligar Uruaçu ao porto de Campos, no Rio de Janeiro

Dilma anuncia verba para infraestrutura em Goiás
Dilma anuncia verba para infraestrutura em Goiás (Foto: Edição/247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247_ O governador Marconi Perillo participou hoje, no Palácio do Planalto, do lançamento Plano de Investimentos em Logística de Rodovias e Ferrovias, que prevê investimentos da ordem de R$ 133 bilhões, R$ 42 bilhões em rodovias e R$ 91 bilhões em ferrovias. Do montante total de investimentos, R$ 79,5 bilhões serão aplicados em cinco anos e R$ 53,5 bilhões entre 20 e 25 anos. A meta é privatizar 7,5 mil quilômetros de estradas e 10 mil quilômetros de ferrovias e destravar o escoamento da produção no País, reduzindo o custo da produção e melhorando a competitividade dos nossos produtos.

O anúncio animou os empresários presentes ao Palácio do Planalto, entre eles o homem mais rico do Brasil, Eike Batista, que avaliou as medidas como um “kit de felicidade” para o País. O governador Marconi Perillo disse ter saído da solenidade “muito feliz” com os anúncios feitos pela presidente Dilma Rousseff.

Ao falar da importância do programa, Marconi classificou  como “alvissareiras” as informações prestadas pela presidente.  Segundo ele, o programa vai colocar o Brasil na vanguarda do desenvolvimento econômico mundial, aumentando a competitividade dos produtos brasileiros no mercado mundial, na medida em que reduz sensivelmente os custos de transporte.

Em relação a Goiás, destacou Marconi, o plano prevê investimentos nas BRs 153 (trecho Minas Gerais-Goiás-Tocantins), 050 (Goiás-Minas Gerais), 040 (Brasília-Goiás-Minas Gerais) e 060  (Goiás-Distrito Federal). Na área de ferrovias, além da garantia de recursos para conclusão das obras da Ferrovia Norte-Sul e do ramal que liga Uruaçu a Lucas do Rio Verde (MT) – Ferrovia Oeste-Leste -, a presidente Dilma anunciou ao governador a construção de uma ferrovia que ligará Uruaçu ao porto de Campos, no Rio de Janeiro, passando pela cidade mineira de Corinto.

 “O que nós queremos é uma logística competitiva”, disse a presidente Dilma no lançamento do programa. Segundo ela, o governo federal continuará a cumprir o papel de “indutor do desenvolvimento”.  Dirigindo-se aos investidores, a presidente defendeu a continuidade das Parcerias Público Privadas (PPPs), ressaltando que elas permitem a ampliação da infraestrutura do País, assegurando um menor custo de produção, sem permitir a formação de monopólios.

Durante a solenidade, o governador Marconi Perillo sentou-se na primeira fila, ao lado do governador de Minas Gerais, Antônio Anastasia. Além de empresários e ministros de Estado, o evento reuniu ainda os governadores Agnelo Queiroz (DF),  Geraldo Alckmin (SP), Eduardo Campos (PE),  Silval Barbosa (MT), Renato Casagrande (ES), Raimundo Colombo (SC) e Marcelo Déda (SE).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email