Disputa entre rodoviários para 400 linhas de ônibus em São Paulo

Às vésperas da renovação da diretoria do Sindicato dos Motoristas de São Paulo, 15 terminais rodoviários e cerca de 400 linhas de ônibus da cidade foram paralisados na manhã desta quarta-feira pela mobilização sindical de um grupo dissidente da atual diretoria

Disputa entre rodoviários para 400 linhas de ônibus em São Paulo
Disputa entre rodoviários para 400 linhas de ônibus em São Paulo

Marli Moreira
Repórter da Agência Brasil

São Paulo - Às vésperas da renovação da diretoria do Sindicato dos Motoristas de São Paulo, 15 terminais rodoviários e cerca de 400 linhas de ônibus da cidade foram paralisados na manhã de hoje (10) pela mobilização sindical de um grupo dissidente da atual diretoria.

Os rodoviários responsáveis pela atitude são ligados a Valdevan Noventa, que lidera a Chapa 2 na disputa eleitoral prevista para ocorrer a partir da meia- noite de hoje (10). Segundo a Polícia Militar, não há registro de incidentes.

Por meio de nota, o presidente do Sindicato dos Motoristas, Isao Hosogi, conhecido como Jorginho, criticou o movimento afirmando que se trata de uma “atitude desesperada da minoria dissidente da diretoria da entidade. As eleições estão marcadas para ocorrer amanhã (11) e sexta-feira (12) em 32 garagens.

Edição; Marcos Chagas

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247