CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Eduardo participará de evento de Haddad

  Assessor próximo ao governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, confirmou ida do gestor a São Paulo para evento de campanha de Fernando Haddad; reunião com Lula, porém, estaria fora de pauta  

Eduardo participará de evento de Haddad (Foto: Eduardo Braga/SEI)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Raphael Coutinho _PE247

– Assessores próximos ao governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, confirmaram a viagem do gestor no próximo dia 16 a São Paulo. Na pauta, está a participação do líder socialista em um evento de apoio à candidatura do prefeiturável Fernando Haddad (PT), a qual o PSB é coligado. Diferente do que a coluna Painel, da Folha de São Paulo divulgou nesta terça-feira (4), a viagem não deverá ter como pano de fundo um encontro com o ex-presidente Lula, na tentativa de esfriar os ânimos entre as duas legendas.

Segundo um socialista graduado, a nota está um pouco “truncada”. “Eduardo foi convidado para um evento de campanha, que vai acontecer no Centro de Tradições Nordestinas, em São Paulo,  e não para uma reunião com o ex-presidente Lula”, revelou o assessor, que preferiu não se identificar. No entanto, o ex-presidente, fiador da candidatura de Haddad em São Paulo, também participará da ação ao lado de Eduardo. “Lula não tem interesse de esquentar a situação”, acrescentou o filiado do PSB. Os demais governadores do Nordeste, incluindo Cid Gomes, que também é ligado ao PSB, também teriam sido convidados a participar do evento.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

PT e PSB vêm passando por um racha em algumas cidades nestas eleições municipais. Recife (PE), Belo Horizonte (MG) e Fortaleza (CE) são os locais onde o acirramento é maior. Na última sexta-feira (31), Lula esteve em Belo Horizonte para apoiar seu candidato, Patrus Ananias, que concorre com Márcio Lacerda (PSB). No discurso, Lula atacou os adversários, mas sem nominar o PSB. Por este motivo, a expectativa pela vinda do cardeal petista à capital pernambucana é enorme, já que muitos defendem que o PT deva tomar um posicionamento mais duro em relação aos socialistas.

Entretanto, o que parece é que Lula está evitando entrar efetivamente na campanha do Recife, muito embora até mesmo uma data (dia 13 deste mês) para a sua visita ao Estado já estivesse sendo ventilada. Sua assessoria informou que ainda “não é o momento certo para sua entrada em Pernambuco”.  Nesta terça foi confirmada a ida do ex-presidente a Salvador, para apoiar o candidato do partido, Nelson Pelegrino.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
 

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO