Em menos de um mês, 3º avião cai no Tocantins

Segundo a Polícia Militar, o piloto da aeronave, Edson Valmir Nascimento, estava sozinho e não sofreu ferimentos; o avião, modelo Cessna 210 era usado para serviços agrícolas e apresentou uma pane no motor; o piloto ainda tentou retornar para a pista clandestina de onde decolou, mas não conseguiu; outros dois aviões modelo Cessna caíram no Tocantins neste mês, causando a morte de quatro pessoas

Segundo a Polícia Militar, o piloto da aeronave, Edson Valmir Nascimento, estava sozinho e não sofreu ferimentos; o avião, modelo Cessna 210 era usado para serviços agrícolas e apresentou uma pane no motor; o piloto ainda tentou retornar para a pista clandestina de onde decolou, mas não conseguiu; outros dois aviões modelo Cessna caíram no Tocantins neste mês, causando a morte de quatro pessoas
Segundo a Polícia Militar, o piloto da aeronave, Edson Valmir Nascimento, estava sozinho e não sofreu ferimentos; o avião, modelo Cessna 210 era usado para serviços agrícolas e apresentou uma pane no motor; o piloto ainda tentou retornar para a pista clandestina de onde decolou, mas não conseguiu; outros dois aviões modelo Cessna caíram no Tocantins neste mês, causando a morte de quatro pessoas (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 - Um avião monomotor caiu nesta quarta-feira, 26, em uma mata fechada da chácara Sucupira, localizada na TO-222, na zona rural de Araguaína, a 368km de Palmas. Segundo a Polícia Militar, o piloto da aeronave, Edson Valmir Nascimento, estava sozinho e não sofreu ferimentos.

Segundo Edson contou aos policiais, o avião, modelo Cessna 210, era usado para serviços agrícolas e apresentou uma pane no motor. O piloto ainda tentou retornar para a pista clandestina de onde decolou, mas não conseguiu. A pista de pousos e decolagens era utilizada por aeronaves durante as obras de reforma do Aeroporto de Araguaína.

As causas do acidente serão investigadas pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

É a terceira queda de avião no Tocantins, em menos de um mês. No último dia 19, um avião monotor caiu sobre uma residência também em Araguaína, ocasionando a morte de uma criança de sete anos. A menina Thauane Feitosa Vieira estava na casa no momento do acidente e morreu no local (leia aqui).

Já no última dia 9, a queda de um monomotor Cessna numa área rural de Palmas matou o ex-prefeito de Ponte Alta do Tocantins, Cleyton Maia, seu filho, Cleyton Maia Filho, e o soldado do Corpo de Bombeiros do Ditrito Federal Luis Augusto Aragão Feitosa (leia aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email