Enchentes deixam 750 moradias em área de alto risco, diz levantamento

Levantamento divulgado pela Defesa Civil de Pernambuco aponta cerca de 750 moradias avaliadas como risco grau 4, ou seja, em área de alto risco, em nove cidades atingidas pelas chuvas no estado; o estado tem 2.064 pessoas desabrigadas e outras 33.779 desalojadas; mais de 55 mil pessoas chegaram a ficar fora de casa por conta das chuvas; ao todo, 27 municípios estão em situação emergência

Levantamento divulgado pela Defesa Civil de Pernambuco aponta cerca de 750 moradias avaliadas como risco grau 4, ou seja, em área de alto risco, em nove cidades atingidas pelas chuvas no estado; o estado tem 2.064 pessoas desabrigadas e outras 33.779 desalojadas; mais de 55 mil pessoas chegaram a ficar fora de casa por conta das chuvas; ao todo, 27 municípios estão em situação emergência
Levantamento divulgado pela Defesa Civil de Pernambuco aponta cerca de 750 moradias avaliadas como risco grau 4, ou seja, em área de alto risco, em nove cidades atingidas pelas chuvas no estado; o estado tem 2.064 pessoas desabrigadas e outras 33.779 desalojadas; mais de 55 mil pessoas chegaram a ficar fora de casa por conta das chuvas; ao todo, 27 municípios estão em situação emergência (Foto: Leonardo Lucena)

Pernambuco 247 - Levantamento divulgado pela Defesa Civil de Pernambuco aponta cerca de 750 moradias avaliadas como risco grau 4, ou seja, em área de alto risco, em nove cidades atingidas pelas chuvas no estado. O estado tem 2.064 pessoas desabrigadas (sem onde morar) e outras 33.779 desalojadas (fora de suas casas, mas em casa de parentes, amigos ou abrigos oferecidos pelo governo). Mais de 55 mil pessoas chegaram a ficar fora de casa por conta das chuvas. Ao todo, 27 municípios estão em situação emergência.

Nos locais identificados como de alto risco, a Defesa Civil pretende utilizar a tecnologia de geomanta com o objetivo de impermeabilizar as barreiras e evitar deslizamentos. O governo tenta conseguir R$ 30 milhões com a União para a utilização da tecnologia. A meta é beneficiar 3.750 pessoas nos municípios de Belém de Maria, Catende, Cortês, Joaquim Nabuco, Ribeirão, Jaqueira, Maraial, Sirinhaém e São Benedito Do Sul com a utilização da geomanta.

O governo anunciou que antecipará o pagamento de 50% do 13º salário para servidores estaduais que moram nas 23 cidades mais afetadas pelas chuvas no fim de maio. O dinheiro será depositado na quinta-feira (29). O executivo distribuiu 203,7 toneladas de alimentos; 250,6 mil litros de água; 178,4 mil metros quadrados de lonas; 12.790 kits dormitórios; 12.318 colchões; 10.159 kits de limpeza; 5 mil kits de higiene; e 112,4 toneladas de roupas.

Outra medida para ajudar atingidos pelas cheias que afetaram a Mata Sul e o Agreste é a emissão de documentos perdidos pela população nas enchentes. Foram emitidos mais de 1.800 documentos, entre registros de nascimento (877), carteiras de identidade (800), comprovantes de CPF (135), registros de casamento (60) e certidões de óbito (5).

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247