Estação Cerrado será centro cultural e funcionará 24h

Audiência debate projetos de construção do Memorial Goiânia, que será um espaço Art Déco construído a Noroeste da Praça Cívica; Estação Cerrado será construída no espaço onde atualmente funciona o Corpo de Bombeiros, em frente ao Lago das Rosas

Estação Cerrado será centro cultural e funcionará 24h
Estação Cerrado será centro cultural e funcionará 24h (Foto: Divulgação)

Goiás 247 _ A Secretaria de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Goiânia (SDRMG) realizou nesta quarta-feira, 22, audiência pública para discutir os projetos de construção do Memorial de Goiânia e da Estação Cerrado. A audiência aconteceu no auditório do Ministério Público Estadual.

Participaram das discussões representantes do Ministério do Turismo, Prefeitura de Goiânia, Governo de Goiás, Ministério Público Estadual, Crea, lphan, órgãos ligados ao desenvolvimento urbano e população em geral.

A abertura do evento foi feita pela superintendente Executiva da Secretaria de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Goiânia, Eucione Maria, que representou o secretário Silvio Sousa. “Os dois projetos vão ajudar a desenvolver o turismo da capital”, explicou.

Em seguida, o superintendente de Projetos Estratégicos da Secretaria, Luciano Mendes Caixeta, falou que os projetos surgiram da necessidade de criar novos espaços para recepcionar o turista. “Essa é uma oportunidade do turista conhecer nossa cultura e nossa gente”, comentou.

Memorial Goiânia

O Memorial Goiânia será um espaço Art Déco construído a Noroeste da Praça Cívica. Segundo o superintendente de Projetos Estratégicos da Secretaria Metropolitana, Luciano Mendes Caixeta, o foco é atrair os turistas que visitam a cidade e também fazer com que os goianienses conheçam mais de sua história, por meio de uma exposição virtual. “Não haverá objetos e sim uma exposição virtual, contando a história de fundação e o desenvolvimento da cidade”, explicou. Além disso, o Memorial Goiânia contará com um espaço de eventos.

Estação Cerrado

A Estação Cerrado será um Centro Gastronômico que funcionará 24 horas, com restaurantes, atrações artísticas e serviços. Ele será construído no espaço onde atualmente funciona o Corpo de Bombeiros, em frente ao Lago das Rosas, na divisa do Setor Oeste com o Setor Aeroporto. O novo complexo cultural, além de vários restaurantes de diversas culturas, principalmente a goiana, vai contar com serviços essenciais como balcão de informação a turistas, artesanatos e apresentações artísticas.

A verba, de R$ 550 mil, vem do Ministério do Turismo. O secretário da Região Metropolitana, Sílvio Sousa, explica que o que se pretende com esta iniciativa é a criação de um espaço de referência regional que funcione 24 horas e abrigue as mais diversas especialidades da culinária regional. A Estação Cerrado vai recuperar a área original, que é de 1.000 m², e acrescentar um bloco novo e integrado com o antigo. O novo espaço terá área aproximada de 1.500 m².

O projeto deverá explorar a topografia do local, com diferentes níveis, e favorecer a integração com a paisagem da praça e o Lago das Rosas. No prédio atual existem várias edificações no estilo “puxadinho”, que foram anexadas ao original, sem preocupação com a característica arquitetônica. Eles serão demolidos, já que estão em péssimo estado de conservação e não possuem estrutura adequada.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247