CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Estado acerta parcerias com países árabes

Perillo participa de encontro com embaixadores e representantes de nações árabes e traça acordos para beneficiar Goiás; interesse do Estado é em parcerias nas áreas científicas e educacional e exportação das commodities produzidas em solo goiano

Estado acerta parcerias com países árabes (Foto: Henrique Luiz)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Goiás 247_ “É o início de uma nova era de relacionamento entre o Estado e os países árabes”, definiu o presidente da Câmara de Comércio árabe-brasileira, Marcellu Salum, na manhã desta quinta-feira, durante reunião de embaixadores e representantes dos países árabes com o governador Marconi Perillo.

Celebrado pelo governo do Estado e representantes e presidentes de Câmaras de Comércio, o encontro, que será estendido até esta sexta-feira amanhã, tem como objetivo estreitar as relações entre Goiás e os países árabes, a fim de definir novos ramos e rumos de importação e exportação entre os países, o estado e também com o setor privado.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O governador afirmou que atualmente o maior interesse do Estado é na exportação de commodities e em joint ventures (associação de empresas), além de parcerias nas áreas educacionais, científicas e tecnológicas. “Os países árabes importam commodities. Goiás é grande produtor de commodities agrícolas, minerais, entre outras. Esta, com certeza, será uma discussão bastante profícua. Mas podemos aprofundar nossas discussões bilaterais não apenas em relação ao que Goiás possa oferecer de commodities e outros produtos para os países árabes, mas também o que podemos receber de investimentos desses países. Temos vivo o interesse em joint ventures com investidores árabes, e temos interesse em enviar nossos produtos para serem consumidos nesses mercados que são muito importantes”, declarou Marconi.

Perillo reiterou que Goiás tem relação cultural forte com os países árabes, e que há interesses também nesse setor: “O Brasil respeita e admira os árabes, por conta da presença forte deles em todos os cantos do país, em especial em Goiás. Aqui temos representantes de vários países árabes. Em Goiânia, essa presença da colônia árabe é muito rica, foi e é muito importante no nosso processo cultural, educacional e de desenvolvimento econômico”.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Ele acrescentou ainda a possibilidade de investimentos em infraestrutura, na tecnologia de informação e na indústria. Para solidificar as relações que começam a ser discutidas nos dois dias de encontro, o governador pretende visitar os países árabes ainda este ano ou no início do próximo. “Nós estamos abertos a todo tipo de relação bilateral, desde relações nos campos científicos – educacional, passando pelos campos da indústria, da tecnologia de informação e também na questão das commodities. Não queremos ter apenas relação de exportação, mas importar também tecnologias, convênios em vários campos. Os países árabes são muito ricos em termos de cultura, educação e podemos estreitar essa relação”, afirmou.
Marcelo Sallun disse que existem várias potencialidades a ser exploradas pelos países árabes em Goiás, mas também destacou interesse na área de commodities.

“Queremos aumentar esse volume de importações. O papel da Câmara de Comércio é de aproximação, buscando informações e assessorando os dois lados para que isso seja possível”, explicou, a fim de demonstrar que as relações entre Goiás e os países árabes estão em constante processo de estreitamento. O presidente do Conselho da Embaixada Árabe no Brasil, Ibrahim Mohamed, disse que a visita servirá para a identificação de maiores campos de cooperação e investimentos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O presidente da Câmara Brasil–Líbano, Alfredo Cotait, disse que a relação entre o estado e os países árabes vai muito além das questões comerciais e culturais. O ministro Carlos Martins Ceglia, diretor do departamento de Oriente Médio do Itamaraty, também destacou que as relações serão fortificadas. Eles participaram de toda a programação de hoje, que contou também com outras autoridades do Governo do Estado e das representações oficiais dos países árabes no Brasil.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO