Estado anuncia pacote de programas para destravar a mobilidade da RMR

O principal deles, o Pedala PE, conta com investimentos de R$ 3,8 milhões, é baseado nas diretrizes do Plano Diretor de Transporte Urbano e prevê a implantação de 100 quilômetros de ciclovias ao longo dos corredores de Transporte Rápido para ônibus

 Estado anuncia pacote de programas para destravar a mobilidade da RMR
Estado anuncia pacote de programas para destravar a mobilidade da RMR (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PE247 – O Governo do Estado anunciou um pacote de medidas para melhorar a mobilidade urbana e assegurar um sistema integrado de transporte na Região Metropolitana do Recife (RMR), sobretudo para quem anda de bicicleta. O conjunto de ações contabiliza um investimento de cerca de R$ 70 milhões, além da elaboração de um Plano Diretor Cicloviário para Região Metropolitana do Recife (RMR) para os próximos 20 anos.

O principal programa, o Pedala PE, conta com investimentos de R$ 3,8 milhões, é baseado nas diretrizes do Plano Diretor de Transporte Urbano. A iniciativa prevê a implantação de 100 quilômetros de ciclovias ao longo dos corredores de Transporte Rápido para ônibus (TRO) Norte- Sul (37,9 Km), Leste-Oeste (12,3 Km), Ramal Cidade da Copa (6,3 Km), BR-101 (30,6 Km) e no corredor da IIPerimetral/Via Metropolitana Norte (30,6 Km). Todas as ciclovias e ciclofaixas serão sinalizadas de acordo com o Código Nacional de Trânsito. As ações serão concluídas até dezembro de 2014.

Além disso, está previsto um investimento de R$ 391 mil na implantação de bicicletários e para ciclos nos prédios públicos estaduais, nos 25 Terminais de Integração de Passageiros (incluindo os que serão construídos até o final deste ano), além das sete estações de embarque e desembarque do programa de navegabilidade do Capibaribe, Rios da Gente. As 154 Academias da Cidade também terão bicicletários, sob um aporte de R$ 938 mil. Também estão no projeto ações que contemplam implantação de ciclovias e requalificação de calçadas nas Avenidas Caxangá e Agamenon Magalhães, na PE-15, BR-101 (de Igarassu a Abreu e Lima) e no Complexo de Salgadinho.

Para estimular a fabricação de bicicletas no Estado, o governo decidiu conceder incentivo fiscal e de parcerias com as gestões municipais. Conforme decreto nº 14.876, que trata do beneficio tributário, com validade até 31 de julho de 2014, Pernambuco será o primeiro estado do Brasil a conceder desoneração de 75% do ICMS para as fábricas de bicicleta e peças que quiserem se instalar em território pernambucano.

Outra inciativa é concessão do selo Empresa Amiga da Bicicleta para as empresas privadas que já possuírem bicicletários e vestiários a fim de que incentivar seus funcionários a andarem de bicicleta. Para obter o selo, os empreendimentos devem encaminhar solicitação à Secretaria das Cidades, que enviará equipe ao empreendimento para atestar e conferir o estado de conservação dos equipamentos.

A outra frente de ação anunciada hoje pelo governador compreende obras de infraestrutura para a melhoria do transporte público de passageiros. Entre elas, a assinatura de ordem de serviço para construção da Passarela do Aeroporto, a construção de dois novos Terminais Integrados de Passageiros - Abreu e Lima e Joana Bezerra -, além da contratação do Projeto Executivo para construção das 27 obras de arte - entre viadutos, passarelas e pontes -, no Corredor Exclusivo de Ônibus da BR-101.

PROMOB - Três intervenções do Programa de Mobilidade (Promob) tiveram o início das obras oficializadas hoje e já têm data para serem concluídas. Daqui a um ano, ficam prontos os Terminais Integrados (TIs) de Abreu e Lima e Joana Bezerra, para garantir integração como corredor Norte-Sul (ao total são 12 Tis), e a passarela do Aeroporto Internacional dos Guararapes — Gilberto Freyre, o primeiro do país que terá ligação com o metrô.

O TI Abreu e Lima será erguido entre a BR-101 e a PE-15, em frente ao Hospital Miguel Arraes. Com custo de R$ 9,5 milhões e área de 6 mil m², o equipamento vai funcionar com oito linhas e terá capacidade para receber 30 mil passageiros por dia.

Pelo TI Joana Bezerra passarão oito linhas que beneficiarão diretamente os municípios de Jaboatão dos Guararapes, Olinda e Paulista. O Terminal, que terá de 4.336,93 m², atenderá a uma demanda de 140 mil passageiros diariamente. Na área serão construídas 15 plataformas de embarque, sendo cinco para os veículos do TRO e dez para os coletivos convencionais, além de três plataformas de desembarque, num total de mais de R$ 8 milhões em investimentos.

Já a passarela permitirá a ligação entre o Aeroporto Internacional dos Guararapes — Gilberto Freyre e o Terminal Integrado de Cosme e Damião, facilitando o deslocamento dos usuários para qualquer parte da Região Metropolitana do Recife. Serão necessários R$ 23 milhões para fazer o traçado, que tem início no Aeroporto, na frente do portão B6 (embarque) e passará por cima das avenidas Mascarenhas de Moraes e Barão de Souza Leão, até o TI do Aeroporto. “A passarela vai legar a Pernambuco uma ligação inédita no Brasil, que é poder sair do aeroporto e pegar o metrô”, destacou Eduardo.

O governador informou que, ainda este mês, abrirá a licitação para contratação do projeto executivo que vai possibilitar a ampliação do TI da Macaxeira, que fica na BR-101, considerada a IV perimetral da cidade. Estão previstas 27 obras de viadutos, pontes e elevados, além da construção de 35 passarelas de pedestres. O valor estimado é de 11,3 milhões.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email