Funase do Cabo tem nova direção

Alm da troca de comando da unidade, tambm foram abertas sindicncias e inquritos para apurar as circunstncias da rebelio ocorrida esta semana e que resultou em trs internos mortos

Funase do Cabo tem nova direção
Funase do Cabo tem nova direção (Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem/AE)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Raphael Coutinho_PE247 – Após os graves incidentes que ocorreram ao longo da última semana na Fundação Estadual de Atendimento Socioeducativo (Funase) do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife (RMR), e que resultaram em três mortos, o Governo do Estado resolveu substituir a direção da unidade. Além da troca de comando, o Executivo também designou a abertura de inquéritos, administrativo e policial, para apurar as circusntâncias da rebelião. As ações foram anunciadas na última sexta-feira (13).

Quem assumiu a Funase do Cabo foi a assistente social Maria José Delgado, servidora de carreira do órgão. Entre as atribuições já direcionadas, ela também terá a responsabilidade de assegurar a volta da normalidade no funcionamento da instituição e garantir a completa apuração dos fatos. “É uma tarefa desafiadora, mas com o apoio da secretária Raquel Lyra (Criança e Juventude) e de todo o governo, tenho certeza de que cumpriremos a tarefa”, declarou a servidora.

Outro fato anunciado depois de várias reuniões é que a Secretaria de Defesa Social (SDS), também vai designar a delegada titular da Delegacia de Combate aos Crimes contra a Administração e o Serviço Público (Decasp), Natália Barbosa de Medeiros, para conduzir o inquérito policial que investigará os incidentes na perspectiva criminal. Pela Secretaria da Criança e Juventude, dois procedimentos administrativos estão sendo desenvolvidos. Uma para apurar as duas rebeliões, uma que ocorreu na terça (10) à tarde e outra na quarta (11) pela manhã, e o outro para investigar denúncias paralelas, como a questão das condições dos internos nas unidades, estrutura dos prédios, entre outros pontos.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email