CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Governador quer apoio para obras hídricas

Uma conversa sobre obras hídricas entre o governador de Alagoas, Renan Filho (PMDB), e o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, já está agendada para está quarta-feira (3), em Brasília; “A obra do Canal do Sertão, que é muito grande e bilionária, precisa contemplar a saída da água do Canal para as pessoas. E, essas obras de adutoras fazem justamente isso, fazem funcionar o Canal do Sertão. É isso que vou conversar com o ministro, fazer ver a importância dessas obras para Alagoas”, revelou o governador

Imagem Thumbnail
Uma conversa sobre obras hídricas entre o governador de Alagoas, Renan Filho (PMDB), e o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, já está agendada para está quarta-feira (3), em Brasília; “A obra do Canal do Sertão, que é muito grande e bilionária, precisa contemplar a saída da água do Canal para as pessoas. E, essas obras de adutoras fazem justamente isso, fazem funcionar o Canal do Sertão. É isso que vou conversar com o ministro, fazer ver a importância dessas obras para Alagoas”, revelou o governador (Foto: Voney Malta)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Alagoas247 - O governador Renan Filho está em Brasília, nesta quarta-feira (3), para conversar com o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, sobre as obras hídricas prioritárias para Alagoas. O anúncio da viagem havia sido feito na semana passada, quando Renan Filho foi à cidade de Delmiro Gouveia buscar soluções para a falta de água na região, agravada no mês passado.

“Nós já resolvemos a situação de cinco cidades: Olho D’Água do Casado, Mata Grande, Canapi, Piau (um distrito grande em Piranhas). Faltava resolver Pariconha e Delmiro Gouveia. A nossa ida possibilitou a solução emergencial para os dois municípios”, revelou o governador.

Como medida, o bombeamento da Adutora do Complexo de Salgado foi retomado depois que a mancha sobre o rio São Francisco foi afastada da área. Mas Renan Filho visa o avanço de obras importantes para levar água, de forma permanente, ao Agreste e Sertão do Estado.

“A captação do Complexo do Salgado não é a solução definitiva. Nesta quarta-feira, eu estarei em Brasília, para conversar com o ministro Aloizio Mercadante sobre as obras hídricas de Alagoas, que são prioridade para o Estado e precisam ser prioridade também para o governo federal”, declarou o governador.

Renan Filho complementou: “Não podemos aceitar que a [obra da] Adutora do Alto Sertão não tenha uma velocidade necessária para levar água para as pessoas; o mesmo com a Adutora da Bacia Leiteira”.

A conclusão da Adutora do Alto Sertão requer o investimento de R$ 38 milhões. “A obra do Canal do Sertão, que é muito grande e bilionária, precisa contemplar a saída da água do Canal para as pessoas. E, essas obras de adutoras fazem justamente isso, fazem funcionar o Canal do Sertão. É isso que vou conversar com o ministro, fazer ver a importância dessas obras para Alagoas”, adiantou.

Com gazetaweb.com e assessoria

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO