Governo convocará 2,5 mil PMs no dia 6 de setembro

O governador Marconi Perillo fará o chamamento de 2,5 mil policiais militares que integrarão as forças de segurança pública no dia 06 de setembro, véspera de feriado, anunciou o vice-governador José Eliton; o comunicado foi feito durante a passagem do programa Goiás na Frente por Iporá, Moiporá e Ivolândia

O governador Marconi Perillo fará o chamamento de 2,5 mil policiais militares que integrarão as forças de segurança pública no dia 06 de setembro, véspera de feriado, anunciou o vice-governador José Eliton; o comunicado foi feito durante a passagem do programa Goiás na Frente por Iporá, Moiporá e Ivolândia
O governador Marconi Perillo fará o chamamento de 2,5 mil policiais militares que integrarão as forças de segurança pública no dia 06 de setembro, véspera de feriado, anunciou o vice-governador José Eliton; o comunicado foi feito durante a passagem do programa Goiás na Frente por Iporá, Moiporá e Ivolândia (Foto: Leonardo Lucena)

Goiás 247 - O governador Marconi Perillo fará o chamamento de 2,5 mil policiais militares que integrarão as forças de segurança pública no dia 06 de setembro, véspera de feriado, anunciou o vice-governador José Eliton. O comunicado foi feito durante a passagem do programa Goiás na Frente, na manhã desta terça-feira, dia 22, por Iporá, Moiporá e Ivolândia.

“São investimentos que garantirão ainda mais segurança para nossa população”, relatou o vice-governador durante pronunciamento em Iporá. Segundo ele, o aumento do contingente ocorre num momento em que a imprensa nacional, por meio do jornal O Estado de S. Paulo, publicou que Goiás foi um dos estados do país que mais reduziram índices de homicídios.

Os investimentos em todas as áreas da administração estadual, a exemplo da segurança pública, integram o Goiás na Frente. Outra vertente do programa é o auxílio direto às prefeituras. Para José Eliton, “a agenda de trabalho do Goiás na Frente faz com que diferentes estados olhem para nosso estado. Exemplo de um grande círculo virtuoso, que transforma a realidade dos nossos municípios, da nossa gente”, disse.

“Mas este programa, além de levar obras e benefícios, tem como característica a marca do nosso governo, que é a proteção social”, relatou Eliton, ao falar do Goiás na Frente Habitação, que prevê a construção de 30 mil casas até o final de 2018. “O fazer deve ser sinônimo da política moderna, que constrói, que dialoga. É com espírito municipalista que vamos avançar “, relatou.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247