Haddad: 'ciclovia deveria ser abraçada por partidos'

Prefeito de São Paulo inaugura ciclovia na Avenida Paulista e rebate críticas de quem chamou de "infiltrados", apesar de dizer que respeita a manifestação contrária; "Isso aqui não é uma política partidária, é uma política que deveria ser abraçada por todos os partidos", defendeu o petista, aplaudido por ciclistas; evento reuniu milhares de pessoas na principal via da capital, que foi fechada para carros neste domingo; projeto polêmico, criticado por motoristas, tem 2,7 quilômetros e trará mais segurança aos ciclistas, que a definem como uma conquista histórica para o movimento na cidade

Prefeito de São Paulo inaugura ciclovia na Avenida Paulista e rebate críticas de quem chamou de "infiltrados", apesar de dizer que respeita a manifestação contrária; "Isso aqui não é uma política partidária, é uma política que deveria ser abraçada por todos os partidos", defendeu o petista, aplaudido por ciclistas; evento reuniu milhares de pessoas na principal via da capital, que foi fechada para carros neste domingo; projeto polêmico, criticado por motoristas, tem 2,7 quilômetros e trará mais segurança aos ciclistas, que a definem como uma conquista histórica para o movimento na cidade
Prefeito de São Paulo inaugura ciclovia na Avenida Paulista e rebate críticas de quem chamou de "infiltrados", apesar de dizer que respeita a manifestação contrária; "Isso aqui não é uma política partidária, é uma política que deveria ser abraçada por todos os partidos", defendeu o petista, aplaudido por ciclistas; evento reuniu milhares de pessoas na principal via da capital, que foi fechada para carros neste domingo; projeto polêmico, criticado por motoristas, tem 2,7 quilômetros e trará mais segurança aos ciclistas, que a definem como uma conquista histórica para o movimento na cidade (Foto: Gisele Federicce)

SP 247 - O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, defendeu a ciclovia inaugurada neste domingo 28 na Avenida Paulista e rebateu críticas de um grupo contrário à implantação, que gritava de dentro do Hospital Santa Catarina, a quem o petista chamou de "infiltrados", mas afirmou respeitar a manifestação.

"Isso aqui não é uma política partidária, é uma política que deveria ser abraçada por todos os partidos", disse Haddad, que também pedalou. A ciclovia tem 2,7 km, indo da Praça Oswaldo Cruz, no Paraíso, à Consolação.

O evento de inauguração, que estava marcado para as 11h, reuniu milhares de pessoas na principal via da capital paulista, que foi fechada para carros. A implantação da ciclovia será um teste também para a proposta de fechar a Paulista todos os domingos para veículos. O secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, defendeu hoje a ideia, mas disse que ela ainda está em estudo.

Ciclistas consideram que a implantação da estrutura simboliza uma vitória histórica. O movimento vinha defendendo com veemência o projeto, que foi recebido com muitas críticas por motoristas paulistanos e setores mais conservadores da sociedade. As ciclovias são uma das principais bandeiras da gestão de Haddad.

Para Willian Cruz, líder do movimento 'Vá de Bike', o trecho inaugurado neste domingo 28 é uma vitória da sociedade paulista, pois vai evitar acidentes, estimular outras opções de mobilidade e influenciar as demais cidades do Brasil.

"Deixando de lado a questão da representatividade da Avenida Paulista, essa ciclovia tem uma importância muito grande no sentido de proteger a vida das pessoas que pedalam por lá. Historicamente, ela tem um alto índice de acidentes envolvendo ciclistas", diz ele. Confira aqui entrevista com o cicloativista.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247