Heitor Férrer afirma que não fica mais no PSB

O deputado estadual Heitor Férrer afirmou que está apenas esperando a reforma eleitoral ser aprovada para formalizar sua saída do PSB. De acordo com ele, o apoio da sigla à reeleição do governador Camilo Santana (PT), anunciado em encontro regional do partido, inviabiliza a sua permanência. “No PSB são favas contadas. Eu não vou ficar”, prometeu

O deputado estadual Heitor Férrer afirmou que está apenas esperando a reforma eleitoral ser aprovada para formalizar sua saída do PSB. De acordo com ele, o apoio da sigla à reeleição do governador Camilo Santana (PT), anunciado em encontro regional do partido, inviabiliza a sua permanência. “No PSB são favas contadas. Eu não vou ficar”, prometeu
O deputado estadual Heitor Férrer afirmou que está apenas esperando a reforma eleitoral ser aprovada para formalizar sua saída do PSB. De acordo com ele, o apoio da sigla à reeleição do governador Camilo Santana (PT), anunciado em encontro regional do partido, inviabiliza a sua permanência. “No PSB são favas contadas. Eu não vou ficar”, prometeu (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - O deputado estadual Heitor Férrer (PSB) reagiu às declarações do presidente estadual da sigla, Odorico Monteiro, que afirmou durante encontro regional do partido que apoiará a reeleição do governador Camilo Santana (PT). Em resposta, o parlamentar disse que não fica mais na legenda socialista e que está apenas esperando a aprovação da reforma eleitoral.

“Estou esperando a reforma (eleitoral) porque eu posso sair (do partido) e a reforma mudar algum entendimento meu. No PSB são favas contadas. Eu não vou ficar”, prometeu.

Heitor disse ainda que não se surpreendeu com a declaração de Odorico Monteiro. “O Odorico veio para isto (estar no governo). O Odorico representa o desejo político do grupo dos Ferreira Gomes e do Camilo”, declarou.

(Com informações do Blog Política do jornal O Povo)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email