CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Humberto Costa ajusta a alça de mira contra o PSB

O guia eleitoral exibido pelo PT no rádio e na Televisão nos últimos dias demonstra uma mudança de estragéia, colocando Geraldo Julio como alvo no processo classificado pelos próprios socialistas como tentativa “desconstrução” da imagem do prefeiturável do PSB

Humberto Costa ajusta a alça de mira contra o PSB (Foto: Edição/247)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Raphael Coutinho _PE247 – Vendo os índices de intenção de voto em queda acentuada, a coordenação de campanha do candidato Humberto Costa (PT) resolveu engrossar o tom e cutuca” ainda mais o prefeiturável Geraldo Julio (PSB) nos guias de rádio e TV e nos debates. Nesta segunda-feira (10), o petista voltou a repetir o guia utilizado na última sexta (7), quando um ator ia às ruas para provocar o candidato socialista. Além disso, o PT já havia utilizado uma entrevista de Geraldo concedida ao programa humorístico CQC, da Band.As novas peças de campanha apontam para a conclusão que a ordem da vez é atacar o candidato socialista.

No último programa para o guia, o PT compara os dois candidatos a partir de duas pranchetas, sendo uma amarela (PSB) e outra vermelha (PT). "Você prefere uma pessoa que nunca saiu de um escritório, que nunca teve um voto na vida", lê um dos participantes do programa, em referência ao material amarelo. "Ou você prefere para a sua cidade alguém que já foi várias vezes eleito pelo povo e até ministro do presidente Lula?", diz o entrevistado com a pasta vermelha.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Apesar de alguns petistas já revelarem anteriormente que o resultado das últimas pesquisas de intenção de voto não mudaria o modelo adotado nos guias e nos debates, o foco passou a ser outro. Entretanto, Geraldo Julio é o candidato que apresenta maior crescimento nas últimas pesquisas divulgadas por todos os institutos. Por outro lado, Humberto Costa segue o caminho inverso nos levantamentos, seguindo numa queda contínua. A avaliação é que a presença do ex-presidente Lula no guia e a exaltação no trabalho realizado quando o candidato a vice, João Paulo, foi prefeito não está dando o resultado esperado.

Nos primeiros programas, o partido de Humberto Costa apostava alto na ligação entre o prefeiturável e grandes nomes do partido, como a presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Lula e João Paulo. Agora, a cada novo capítulo do guia, o socialista vira alvo do que o PSB chama de “desconstrução” do seu candidato.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O mesmo ocorre durante as inserções que ocorrem ao longo do dia. No programa para o rádio, em tom menos irônico, o ataque ao PSB foi. No início do programa, o locutor diz haver uma candidatura à Prefeitura do Recife que "diz ter feito tudo em Pernambuco". No entanto, logo em seguida, o mesmo locutor questiona: "Ora, mas eu votei em Eduardo Campos para governador. Ele não fez nada não?".

A postura mais agressiva por parte do PT vem sendo adotada também nos debates. No último domingo (9), em programa promovido pela Rede TV! e pela Folha de São Paulo, Humberto chamou Geraldo de “arrogante” e cutucou o adversário por diversas vezes. O fato do ex-presidente Lula ainda não ter marcado uma data para participar da campanha no Recife, mas já ter agenda garantida em outras cidades, também é visto como um dos motivos para a mudança de atitude do PT no guia.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

REUNIÃO – Nesta segunda, Humberto Costa e o vice João Paulo, participaram de um evento com o presidente do PT, Rui Falcão e com membros da direção nacional do partido. O tom da conversa foi em relação ao cenário político e eleitoral do partido em várias capitais brasileiras. Já na terça (11), o prefeiturável estará em Brasília atendendo a um convite da presidente Dilma Rousseff (PT).

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO