Identificados os líderes da rebelião da Funase

Os apontados como responsveis pela ao so trs jovens de 19 anos e outro de 18. Por j serem maiores, eles foram encaminhados para a sede do DHPP e devem seguir para o Cotel.

Identificados os líderes da rebelião da Funase
Identificados os líderes da rebelião da Funase (Foto: Guga Matos/JC Imagem/AE)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Raphael Coutinho_PE247 – A polícia já identificou os três internos mortos e os responsáveis pela rebelião ocorrida, na noite da última terça(10), na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) do município do Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife (RMR). Alan Fraga de Oliveira, de 19 anos, conhecido como Geleia, teve a cabeça decepada e arremessada para fora da unidade. Os outros dois mortos foram Pedro Henrique de Oliveira Lima, 18, e José Mário de Oliveira Filho, 18. Já os responsáveis pela ação seriam três jovens de 19 anos e outro de 18, que não tiveram os nomes revelados.

De acordo com informações repassadas pela polícia, Alan era apontado como líder de uma facção que atuava na fundação. Pedro Henrique foi apreendido há nove meses, ainda com 17 anos, acusado de tentativa de homicídio e tráfico de drogas. Já José Mario, estava na instituição desde o Carnaval de 2011, devido ao furto de um cordão de prata.

Já os quatro apontados como autores das mortes foram encaminhados para a sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Recife. No local, eles prestaram depoimento e foram autuados em flagrante por homicídio. Como já são de maiores, eles seguiram para o Centro de Triagem em Abreu e Lima, o Cotel, também na RMR.

Um novo tumulto, desta vez do lado de fora, foi registrado nesta quarta-feira (11), dia de visita familiar. Um grupo com aproximadamente 60 parentes dos internos foi até o local para o encontro, além de procurar informações sobre o estado de saúde deles. Policiais militares precisaram ser acionados para conter a tensão, o que gerou correria e pânico. A Funase ainda não confirmou se a visita está mantida.


Leia mais:

Rebelião deixa três internos mortos na Funase

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email