JB abre 10 pontos sobre Amorim; João estabiliza

Pesquisa Padrão sobre a eleição para o Governo em 2014 divulgada neste fim de semana pelo Jornal da Cidade é muito positiva para o governador Jackson Barreto (PMDB); ele cresce de forma significativa em Aracaju e, de forma geral, no Estado - passando de 20,4% para 26,3%; enquanto o senador Eduardo Amorim apresenta mesma mudança numérica, mas de forma negativa, caindo quase seis pontos, de 22,4% para 16,8% - pré-candidato do PSC cai em Aracaju, na Grande Aracaju, também no Alto e Médio Sertão; João cai 5 pontos em Aracaju, mas se estabiliza no Estado, ainda na dianteira, com 15 pontos à frente de JB, que abriu 12 pontos de diferença sobre Amorim

Pesquisa Padrão sobre a eleição para o Governo em 2014 divulgada neste fim de semana pelo Jornal da Cidade é muito positiva para o governador Jackson Barreto (PMDB); ele cresce de forma significativa em Aracaju e, de forma geral, no Estado - passando de 20,4% para 26,3%; enquanto o senador Eduardo Amorim apresenta mesma mudança numérica, mas de forma negativa, caindo quase seis pontos, de 22,4% para 16,8% - pré-candidato do PSC cai em Aracaju, na Grande Aracaju, também no Alto e Médio Sertão; João cai 5 pontos em Aracaju, mas se estabiliza no Estado, ainda na dianteira, com 15 pontos à frente de JB, que abriu 12 pontos de diferença sobre Amorim
Pesquisa Padrão sobre a eleição para o Governo em 2014 divulgada neste fim de semana pelo Jornal da Cidade é muito positiva para o governador Jackson Barreto (PMDB); ele cresce de forma significativa em Aracaju e, de forma geral, no Estado - passando de 20,4% para 26,3%; enquanto o senador Eduardo Amorim apresenta mesma mudança numérica, mas de forma negativa, caindo quase seis pontos, de 22,4% para 16,8% - pré-candidato do PSC cai em Aracaju, na Grande Aracaju, também no Alto e Médio Sertão; João cai 5 pontos em Aracaju, mas se estabiliza no Estado, ainda na dianteira, com 15 pontos à frente de JB, que abriu 12 pontos de diferença sobre Amorim (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Jornal da Cidade - Pesquisa realizada pelo Instituto Padrão no período de 09 a 12 deste mês em 41 municípios e ouvindo 815 eleitores em condições legais de voto mostra que, se a eleição para governador de Sergipe fosse realizada hoje o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM), seria o vitorioso e que em segundo lugar ficaria o governador Jackson Barreto (PMDB), seguido pelo senador Eduardo Amorim (PSC). A primeira colocação de João, não é novidade. Ele se ,mantém assim desde o fim das eleições de 2012, quando foi eleito pelo prefeito da capital.

Os números mostram que João continuou em posição estável. Em outubro, em pesquisa realizada pelo menos instituto, ele tinha 42,3% e agora tem 41,3%. Jackson, que ocupava o terceiro lugar na pesquisa anterior, com 20,4%, passou para 26,3%. Já Amorim, que era o segundo colocado, com 22,4%, caiu para 16,8%. Os eleitores que não votariam em nenhum deles somavam 10,4% em outubro e agora são 8,1% e aqueles que não sabem em quem votar saíram de 4,5% para 7,5%. A margem de erro da nova pesquisa é de 3,43% para mais ou para menos.

Jackson Barreto registrou um crescimento significativo nessa pesquisa em Aracaju, onde tinha 22% do eleitorado em outubro e passou a contar com 31,9%. Eduardo Amorim caiu na capital, passando de 19% para 14% e João Alves também sofreu uma queda de 5%, passando de 41% em outubro para 36% neste mês de dezembro. Na chamada Grande Aracaju, Amorim caiu de de 18,2% para 12%, JB subiu de 12% para 13% e João passou de 38% para 42%, conforme os dados do Padrão.

Os eleitores que João perdeu em Aracaju recuperou no Alto e Médio Sertão, onde tem percentual que supera os de Jackson Barreto e Eduardo Amorim juntos. Uma outra queda significativa de Amorim se deu nessas duas regiões, No Alto Sertão ele tinha 38% das intenções de voto e caiu para 22%. No Médio Sertão, Amorim caiu de 20% para 13%.

Migração de votos

A pesquisa Padrão mostra ainda que quando ficam apenas João Alves Filho e Jackson Barreto, os votos que seriam do senador Eduardo Amorim migram, sem sua maioria para o atual prefeito (42,3%) e apenas 18,2% vão para o atual governador e candidato à reeleição. Mas 34,3% não votariam em nenhum deles e 5,1% se manifestaram indecisos.
Quando apresentado o cenário em que Jackson Barreto ficaria de fora da disputa, ele transferiria 41,1% dos votos para João Alves e 29,4% para Eduardo Amorim. Outros 23,4% não votariam nos dois nomes sugeridos pelo instituto e 6,1% disseram ainda estar indecisos.

João ficando fora da disputa e Jackson Barreto e Eduardo Amorim se enfrentando nas urnas, o prefeito transferiria 41,8% dos votos para JB e 33,8% para o senador. Já 13,6% não votaria em nenhum dos dois e outros 10,7% anulariam seus votos.

A pesquisa foi realizada nos seguintes municípios: Aracaju; Nossa senhora do Socorro; São Cristóvão; Maruim; Laranjeiras; Barra dos Coqueiros; Salgado; Boquim; Itabaianinha; Estância; Umbaúba; Cristinápolis; Campo do Brito; Itabaiana; Areia Branca; Frei Paulo; Carira; Tobias Barreto; Riachão do Dantas; Lagarto; Simão Dias; Nossa Senhora da Glória; Monte Alegre; Porto da Folha; Poço Redondo; Propriá; Neópolis; Telha; Japoatã; Malhada dos Bois; Cedro de São João; Brejo Grande; Capela; Japaratuba; Carmópolis; Rosário do Catete; General Maynard; Nossa Senhora das Dores; Feira Nova; Cumbe; e Graccho Cardoso.

Os dados:

Em qual destes candidatos o sr (a) votaria para governador se as eleições fossem hoje (dezembro de 2013)

João Alves Filho 41,3%
Jackson Barreto 26,3%
Eduardo Amorim 16,8%
Nenhum/Branco/Nulo 8,1%
Não sabe/Indeciso 7,5%

Em qual destes candidatos o sr (a) votaria para governador se as eleições fossem hoje (outubro de 2013)

João Alves Filho 42,3%
Eduardo Amorim 22,4%
Jackson Barreto 20,4%
Nenhum/Branco/Nulo 10,4%
Não sabe/Indeciso 4,5%

Cenário de enfrentamento entre João Alves Filho e Jackson Barreto (dezembro de 2013)

João Alves 48,5%
Jackson Barreto 29,4%
Nenhum/Branco/Nulo 13,9%
Não sabe/Indeciso 8,2%

Cenário de enfrentamento entre João Alves Filho e Eduardo Amorim (dezembro de 2013)

João Alves 52,3%
Eduardo Amorim 24,5%
Nenhum/Branco/Nulo 14,2%
Não sabe/indeciso 9,0%

Cenário de enfrentamento entre Jackson Barreto e Eduardo Amorim (dezembro de 2013)

Jackson Barreto 43,4%
Eduardo Amorim 31%
Nenhum/Branco/Nulo 13,7%
Não sabe/Indeciso 11,8%

Migração dos votos de Amorim quando ficam apenas João e Jackson

João Alves 42,3%
Jackson Barreto 18,2%
Nenhum/Branco/Nulo 34,3%
Não sabe/Indeciso 5,1%

Migração dos votos de Jackson quando ficam apenas João e Amorim

João Alves 41,1%
Eduardo Amorim 29,4%
Nenhum/Branco/Nulo 23,4%
Não sabe/Indecisos 6,1%

Migração dos votos de João quando ficam apenas Jackson e Amorim

Jackson Barreto 41,8%
Eduardo Amorim 33,8%
Nenhum/Branco/Nulo 13,6%
Não sabe/indeciso 10,7%

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247