CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

JB acusa oposição de travar Pró-redes e acena com alteração no projeto

"A deputada Angélica Guimarães é uma médica e deveria entender as necessidades do povo, mas nem ao menos fez a leitura do Pró-redes na Assembleia Legislativa. Ela e os deputados da oposição precisam entender que o partido para a Saúde é o povo. Eles acham que aprovando eu vou usar os recursos na campanha eleitoral. Aqui estamos tratando é da saúde do povo. Estão fazendo agora a mesma coisa que fizeram com Marcelo Déda. Eles humilharam Déda. Pioraram o estado de saúde dele com o atraso do Proinveste", afirmou o governador Jackson Barreto; nesta sexta, o governo envia à Assembleia nova retificação no projeto em ponto que oposição considerava ambíguo

Imagem Thumbnail
"A deputada Angélica Guimarães é uma médica e deveria entender as necessidades do povo, mas nem ao menos fez a leitura do Pró-redes na Assembleia Legislativa. Ela e os deputados da oposição precisam entender que o partido para a Saúde é o povo. Eles acham que aprovando eu vou usar os recursos na campanha eleitoral. Aqui estamos tratando é da saúde do povo. Estão fazendo agora a mesma coisa que fizeram com Marcelo Déda. Eles humilharam Déda. Pioraram o estado de saúde dele com o atraso do Proinveste", afirmou o governador Jackson Barreto; nesta sexta, o governo envia à Assembleia nova retificação no projeto em ponto que oposição considerava ambíguo (Foto: Valter Lima)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Sergipe 247 - O governador Jackson Barreto (PMDB) fez duras críticas à bancada de oposição, inclusive à deputada estadual Angélica Guimarães (PSC), presidente da Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (27), por não colocar em votação o Programa de Fortalecimento das Redes de Inclusão Social e de Atenção à Saúde (Pró-redes), que permite ao governo realizar empréstimo de R$ 240 milhões ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para investimentos em saúde.  

"A deputada Angélica Guimarães é uma médica e deveria entender as necessidades do povo, mas nem ao menos fez a leitura do Pró-redes na Assembleia Legislativa. Ela e os deputados da oposição precisam entender que o partido para a Saúde é o povo", afirmou. Segundo o governador, o prazo para ter o projeto sancionado se esgota em 11 de abril.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"A oposição vive fazendo discursos demagógicos contra a Saúde. O Governo vai atrás de recursos, envia o projeto ao BID solicitando a autorização de empréstimo da ordem de R$ 240 milhões para melhorar o setor e eles não votam. Não fiquei vendo a banda passar. É dinheiro para a Saúde e eu quero apenas que a presidente Angélica Guimarães faça a leitura, que o projeto vá para as Comissões, vá para o Plenário, respeitem a democracia pois tenho certeza que terei votos para aprovar", disse.

"Os deputados da oposição e algumas lideranças estão pressionando Angélica Guimarães. O Pró-redes está na Assembleia desde o ano passado e até hoje não foi votado. Eles acham que aprovando eu vou usar os recursos na campanha eleitoral. Aqui estamos tratando é da saúde do povo. Estão fazendo agora a mesma coisa que fizeram com Marcelo Déda. Eles humilharam Déda. Pioraram o estado de saúde dele com o atraso do Proinveste e agora estão fazendo com o povo”, afirmou Jackson, ressaltando que tem saúde para “enfrentar a oposição” “Eu estou com saúde, mas a saúde do Estado está precisando de recursos com urgência”, disse o governador, avisando ainda que irá procurar o Poder Judiciário, o Ministério Público e a própria Angélica Guimarães para falar sobre o projeto.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Na manhã desta sexta-feira (28), o porta-voz do governo, Elton Coelho, afirmou, em entrevista ao radialista George Magalhães, que será feita uma retificação no projeto inicial, a partir do que apontou a oposição, no que se refere ao remanejamento de 25% dos recursos do empréstimo. Com a alteração, este percentual só poderá ser utilizado com a aprovação dos deputados. "O governo protocolará ainda nesta sexta a mudança no projeto", explicou Elton Coelho. 

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO