João da Costa continua “feliz da Silva”

Prefeito do Recife no esconde de ningum que a ltima visita da presidente Dilma cidade reabasteceu as suas baterias na luta para garantir-se como candidato reeleio; na oportunidade, o gestor fora elogiado pela correligionria

João da Costa continua “feliz da Silva”
João da Costa continua “feliz da Silva” (Foto: Andréa Rêgo Barros/247)

Raphael Coutinho _PE247 – O prefeito do Recife, João da Costa (PT), ainda está colhendo os frutos da última visita da presidente Dilma Rousseff (PT) à cidade, ocorrida na última terça-feira (28). O gestor não esconde de ninguém que a vinda da companheira de partido, na inauguração de um conjunto habitacional no bairro do Pina, causou otimismo e o motiva a continuar o trabalho dentro da Prefeitura. João da Costa vem sofrendo críticas dentro da Frente Popular pela falta de articulação política.

O prefeito disse que foi responsável direto pela vinda da presidente ao Recife. “A presidente Dilma é muito criteriosa nos lugares que ela visita. Procura visitar aquelas coisas que passam por um padrão de execução. Ela é muito exigente. Vir aqui entregar 480 habitações é porque ela e sua equipe analisaram. Foi convencida. É um atestado de que a gente executa e procura fazer bem as cosias aqui na cidade do Recife”, contou, em entrevista ao Blog da Folha.

Ainda na entrevista, o petista lembrou que a relação entre os dois vem desde a época em que ele era secretário de Orçamento Participativo da PCR. “Ela era ministra e participei de todas as reuniões para formular o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Fico alegre pelo reconhecimento de Dilma ao nosso trabalho”, afirmou.

Quando o assunto é eleição, João da Costa garantiu que o mês de março será de discussões sobre o nome que irá representar a sigla na disputa municipal. No entanto, ele relatou não saber de outros nomes para concorrer ao pleito pelo partido. “Até agora só conheço eu como candidato do PT. Publicamente, não conheço nenhum outro. Espero que a gente não tenha ansiedade. Pode ser em março, final de março, em abril… Não vou participar desse processo só porque tem uma disputa eleitoral” acrescentou o petista.

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247