Jogador africano sofre racismo da prórpia torcida

Torcedores imitaram um macaco quando Basile de Carvalho, que é natural de Guiné Bissau, mas joga pelo clube búlgaro Levski Sofia, comemorava a vitória

Jogador africano sofre racismo da prórpia torcida
Jogador africano sofre racismo da prórpia torcida (Foto: Divulgação)

247 – O atacante Basile de Carvalho, nascido em Guiné Bissau, jogou neste domingo para o time do Levski Sofia contra o Botev Plovdiv, pelo campeonato búlgaro, e teve participação importante na vitória, por 3 a 1. Durante a comemoração com os colegas do time, Basile foi insultado pelos torcedores do próprio clube, que chegaram a atirar uma banana em sua direção.

Nervoso, o atacante passou a responder as ofensas dos torcedores que vaiavam e imitavam macacos. Os seguranças do estádio, em vez de acalmar a situação, protegeram os torcedores e ofederam o jogador. A situação só se acalmou quando a polícia chegou ao local, ao mesmo tempo que o capitão do time, Stanislav Angelov, tentava em vão defender o colega.

Os dirigentes do clube não se manisfestaram sobre o ocorrido, porém, em coletiva de imprensa, o jogador afirmou que está pensando seriamente em deixar o Levski Sofia após o episódio.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247