Justiça decreta prisão de ex-jogador Roberto Carlos por atraso em pensão

O ex-jogador de futebol Roberto Carlos teve a prisão decretada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro por atraso em pagamento de pensão; Barbara Thurler, mãe de dois filhos do ex-lateral do Palmeiras e do Real Madrid, quer o pagamento de R$ 61 mil em pensão alimentícia

O ex-jogador de futebol Roberto Carlos teve a prisão decretada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro por atraso em pagamento de pensão; Barbara Thurler, mãe de dois filhos do ex-lateral do Palmeiras e do Real Madrid, quer o pagamento de R$ 61 mil em pensão alimentícia
O ex-jogador de futebol Roberto Carlos teve a prisão decretada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro por atraso em pagamento de pensão; Barbara Thurler, mãe de dois filhos do ex-lateral do Palmeiras e do Real Madrid, quer o pagamento de R$ 61 mil em pensão alimentícia (Foto: Charles Nisz)

247 - O ex-jogador Roberto Carlos, com passagens por Palmeiras e Real Madrid, teve a prisão decretada por atraso em pagamento de pensão.

A juíza Mayane Eccard, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro determinou a prisão por três meses por uma dívida de R$ 61 mil.

O processo foi movido por Barbara Thurler, mãe de um menino e uma menina do ex-jogador.

O ex-lateral esquerdo do pentacampeonato alega dificuldades financeiras para efetuar o pagamento. O TJRJ negou a possibilidade de pagamento da dívida e pede prisão em regime fechado até a quitação da dívida.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247