Kátia promove reunião sobre concessão da BR-153

No encontro promovido pela ministra da Agricultura nesta quarta-feira, 24, o secretário nacional das obras PAC, Maurício Muniz, discutiu com os deputados federais Carlos Gaguim (PMDB) e Irajá Abreu (PSD), e com um grupo de empresários da construção civil no Estado soluções para a concessão da rodovia BR-153, no trecho entre Anápolis e Aliança, concedido à construtora Queiroz Galvão, e apresentar proposta de concessão do trecho entre Aliança a Estreito (MA); Kátia defende que o trecho Aliança/ Estreito seja subdividido para que possa atrair mais empresários do ramo de todo o país. Um lote abarcaria a parte da rodovia entre Aliança e Guaraí e o segundo lote no trecho da BR-153 de Guaraí a Estreito

No encontro promovido pela ministra da Agricultura nesta quarta-feira, 24, o secretário nacional das obras PAC, Maurício Muniz, discutiu com os deputados federais Carlos Gaguim (PMDB) e Irajá Abreu (PSD), e com um grupo de empresários da construção civil no Estado soluções para a concessão da rodovia BR-153, no trecho entre Anápolis e Aliança, concedido à construtora Queiroz Galvão, e apresentar proposta de concessão do trecho entre Aliança a Estreito (MA); Kátia defende que o trecho Aliança/ Estreito seja subdividido para que possa atrair mais empresários do ramo de todo o país. Um lote abarcaria a parte da rodovia entre Aliança e Guaraí e o segundo lote no trecho da BR-153 de Guaraí a Estreito
No encontro promovido pela ministra da Agricultura nesta quarta-feira, 24, o secretário nacional das obras PAC, Maurício Muniz, discutiu com os deputados federais Carlos Gaguim (PMDB) e Irajá Abreu (PSD), e com um grupo de empresários da construção civil no Estado soluções para a concessão da rodovia BR-153, no trecho entre Anápolis e Aliança, concedido à construtora Queiroz Galvão, e apresentar proposta de concessão do trecho entre Aliança a Estreito (MA); Kátia defende que o trecho Aliança/ Estreito seja subdividido para que possa atrair mais empresários do ramo de todo o país. Um lote abarcaria a parte da rodovia entre Aliança e Guaraí e o segundo lote no trecho da BR-153 de Guaraí a Estreito (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - A ministra da Agricultura, Kátia Abreu (PMDB), reuniu nesta quarta-feira, 24, o secretário nacional das obras PAC, Maurício Muniz, com os deputados federais Carlos Gaguim (PMDB), coordenador da bancada federal, e Irajá Abreu (PSD), presidente da Comissão de Agricultura da Câmara, além de um grupo de empresários da construção civil no Estado.

O objetivo do encontro foi discutir soluções para a questão da concessão da rodovia BR-153, no trecho entre Anápolis e Aliança, concedido à construtora Queiroz Galvão, e apresentar proposta de concessão do trecho entre Aliança a Estreito (MA), com 605 km de extensão.

Segundo a ministra Kátia Abreu, o Ministério da Agricultura tem conversado com empresários de todo o país interessados em investir nas rodovias, ferrovias e hidrovias porque é interesse do agronegócio e da agricultura brasileira melhorar a logística de transportes nacional.

"Estou trabalhando todos os empresários para isto, uma força tarefa nacional", salientou a Ministra, antecipando que está mobilizando todos os parlamentares do Estado nesta questão. "Vamos conversar também com a Caixa Econômica Federal e com a Agência Nacional para encontrarmos a melhor saída".

A ministra defende que o trecho Aliança/ Estreito seja subdividido para que possa atrair mais empresários do ramo de todo o país. Um lote abarcaria a parte da rodovia Belém-Brasília entre Aliança e Guaraí e o segundo lote no trecho da BR-153 de Guaraí a Estreito.

"A divisão facilitará até mesmo às empresas a construção das obras de duplicação". Segundo a ministra, os empreiteiros ficaram interessados em participar da concessão, "o que facilitará até mesmo para a população a cobrança de agilidade na sua construção", avalia a ministra.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247