Líder defende ações do Governo contra ataques a coletivos

O líder do Governo na Assembleia, Evandro Leitão (PDT), destacou que o governador Camilo Santana (PT) convocou o serviço de inteligência policial, assim que tomou conhecimento da série de ataques a coletivos ocorridos em Fortaleza. "Ontem mesmo iniciaram as buscas pelos responsáveis e os ônibus voltaram a normalidade. Não é justo desqualificar o Governo que está enfrentando de forma combativa o crime no Estado", disse

O líder do Governo na Assembleia, Evandro Leitão (PDT), destacou que o governador Camilo Santana (PT) convocou o serviço de inteligência policial, assim que tomou conhecimento da série de ataques a coletivos ocorridos em Fortaleza. "Ontem mesmo iniciaram as buscas pelos responsáveis e os ônibus voltaram a normalidade. Não é justo desqualificar o Governo que está enfrentando de forma combativa o crime no Estado", disse
O líder do Governo na Assembleia, Evandro Leitão (PDT), destacou que o governador Camilo Santana (PT) convocou o serviço de inteligência policial, assim que tomou conhecimento da série de ataques a coletivos ocorridos em Fortaleza. "Ontem mesmo iniciaram as buscas pelos responsáveis e os ônibus voltaram a normalidade. Não é justo desqualificar o Governo que está enfrentando de forma combativa o crime no Estado", disse (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - O líder do Governo na Casa, deputado Evandro Leitão (PDT), salientou, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quinta-feira (20), que o governador Camilo Santana (PT) convocou o serviço de inteligência policial, assim que tomou conhecimento da série de ataques a coletivos ocorridos ontem em Fortaleza.

O parlamentar ressaltou que o governador se reuniu com as secretarias de Justiça e de Segurança Pública e Defesa Social e, no final da noite de ontem, a situação já havia sido contornada. “Ontem mesmo iniciaram as buscas pelos responsáveis e os ônibus voltaram a normalidade. Não é justo desqualificar o Governo que está enfrentando de forma combativa o crime no Estado”, assinalou.

Evandro Leitão enfatizou que os ataques de quarta-feira (19) foram mais uma ação de bandidos querendo intimidar o governador e o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa. “Quando o secretário de Segurança assumiu, causou insatisfação nos criminosos. Dizer que não existe ação do Governo querendo desqualificar suas ações não é justo”, apontou.

Para o deputado, todos os estados brasileiros estão passando por dificuldades na segurança e o Ceará, mesmo com as adversidades, está investindo e combatendo as ações criminosas. “O governador Camilo fez em dois anos diversas ações de enfrentamento ao crime organizado e, mesmo com as retaliações dos criminosos, afirmou que não vai retroceder em nada nas atitudes de combate ao crime”, frisou.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email