CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Mal na Segurança, Alckmin prepara vitrine para 2014

Enquanto mortes de jovens e policiais só aumentam no estado de São Paulo, governador tucano planeja ofensiva para expor outros setores, como o de transportes e seus investimentos para a expansão do Metrô; nessa semana, ele dará início à reforma de seu secretariado a fim de acelerar projetos estratégicos e já formar alianças para a reeleição

Mal na Segurança, Alckmin prepara vitrine para 2014
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Com péssimos índices na área de Segurança, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), pretende expor outros setores ao longo desse ano, visando sua reeleição em 2014. Ele aposta suas fichas especialmente nos Transportes, que deve ganhar bom destaque na vitrine. As pastas de Logística, Transportes e Transportes Metropolitanos terão um forte empurrão nos investimentos, de acordo com a já aprovada proposta orçamentária do tucano.

Na primeira secretaria, haverá aumento de 68,5% em relação a 2012, alcançando R$ 5,1 bilhões. Em Transportes Metropolitanos, serão injetados R$ 9,5 bilhões – incluídos aqui tanto o investimento previsto quanto os restos a pagar deste ano. A alta é de 28% em relação a 2012, quando a área recebeu investimento de R$ 7,5 bilhões. Já as pastas de Educação e Saúde, por exemplo, terão menos verba se comparadas ao ano anterior.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O plano do governador é chegar em 2014 com sete linhas do metrô em obras e dezenas de unidades do Poupatempo, Detran e Bom Prato prontas para serem inauguradas, informa nota da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, desta segunda-feira 7. A ofensiva será somada a pesquisas internas de sua gestão, numa estratégia alinhada com a publicidade do Palácio dos Bandeirantes.

Reforma no secretariado

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Também como parte da estratégia, Geraldo Alckmin dá início nessa semana a uma reforma no secretariado. A nova equipe será cobrada constantemente, inclusive aos finais de semana, para acelerar a execução de projetos estratégicos. As trocas também visam firmar alianças com partidos que podem apoiar sua candidatura daqui a dois anos. Devem haver mudanças em gabinetes hoje ocupados por secretários interinos e, além disso, novos chefes para outras pastas, entre elas Agricultura, Turismo, Justiça e Saúde.

Segurança

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O maior desafio do governador, no entanto, será conter os crimes no estado, especialmente na capital paulista, que praticamente vive uma guerra civil diante do confronto entre a maior facção criminosa da região, o Primeiro Comando da Capital (PCC), e a Polícia Militar. Os índices ruins já provocaram a exoneração do Secretário de Segurança Antônio Ferreira Pinto, substituído pelo ex-procurador de Justiça Fernando Grella. No último ano, mais de dois mil moradores foram mortos em assassinatos, principalmente jovens e negros da periferia da cidade. De 24 chacinas registradas em 2012 – ano mais sangrento desde 2007 -, apenas uma foi esclarecida.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO