Manifestantes fazem ato na Prefeitura cobrando equipamentos sociais

O Movimento Organizado dos Trabalhadores Urbanos (MOTU) realizou, esta manhã, um ato em frente ao Paço Municipal de Fortaleza, cobrando equipamentos de saúde e educação para as 1920 famílias que receberam moradias no Conjunto dos Escritores, no bairro Paupina. A reivindicação foi protocolada em novembro de 2016, mas até agora, a Prefeitura de Fortaleza não deu resposta. Os manifestantes também cobram mais 700 moradias do Programa Minha Casa Minha Vida

O Movimento Organizado dos Trabalhadores Urbanos (MOTU) realizou, esta manhã, um ato em frente ao Paço Municipal de Fortaleza, cobrando equipamentos de saúde e educação para as 1920 famílias que receberam moradias no Conjunto dos Escritores, no bairro Paupina. A reivindicação foi protocolada em novembro de 2016, mas até agora, a Prefeitura de Fortaleza não deu resposta. Os manifestantes também cobram mais 700 moradias do Programa Minha Casa Minha Vida
O Movimento Organizado dos Trabalhadores Urbanos (MOTU) realizou, esta manhã, um ato em frente ao Paço Municipal de Fortaleza, cobrando equipamentos de saúde e educação para as 1920 famílias que receberam moradias no Conjunto dos Escritores, no bairro Paupina. A reivindicação foi protocolada em novembro de 2016, mas até agora, a Prefeitura de Fortaleza não deu resposta. Os manifestantes também cobram mais 700 moradias do Programa Minha Casa Minha Vida (Foto: Fatima 247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O Movimento Organizado dos Trabalhadores Urbanos (MOTU) realiza esta manhã, um ato em frente ao Paço Municipal, cobrando da Prefeitura de Fortaleza o cumprimento de uma pauta que foi protocolada em 24 de Novembro 2016. Os manifestantes querem equipamentos de saúde e educação, como a creche para 1920 famílias que receberam suas moradias no conjunto dos escritores no bairro Paupina. 

Segundo os manifestantes, centenas de crianças estão sem escola, creche e posto de saúde desde junho do ano passado. Dois meses após protocolar a pauta, sem retorno, o MOTU voltou hoje a prefeitura. Na pauta também consta a exigência de 700 moradias  do Programa Minha Casa Minha Vida.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email