Manifestantes pedem renúncia de Temer em Salvador

Deputados federais baianos do PT se juntaram a manifestantes no Campo Grande, em Salvador, na tarde desta sexta-feira para pedir a renúncia de Michel Temer; "Estamos na rua e vamos continuar até Temer renunciar, porque o povo não pode mais de sujeitar a esse governo golpista, que não foi eleito e vem destruindo o Brasil", disse o deputado Robinson Almeida (PT); o ato foi organizado pela Frente Brasil Popular, com apoio de centrais sindicais, como CUT e CTB; segundo Aurino Pedreira, presidente do CTB na Bahia, o objetivo da manifestação foi "denunciar os malfeitos de Temer"

Deputados federais baianos do PT se juntaram a manifestantes no Campo Grande, em Salvador, na tarde desta sexta-feira para pedir a renúncia de Michel Temer; "Estamos na rua e vamos continuar até Temer renunciar, porque o povo não pode mais de sujeitar a esse governo golpista, que não foi eleito e vem destruindo o Brasil", disse o deputado Robinson Almeida (PT); o ato foi organizado pela Frente Brasil Popular, com apoio de centrais sindicais, como CUT e CTB; segundo Aurino Pedreira, presidente do CTB na Bahia, o objetivo da manifestação foi "denunciar os malfeitos de Temer"
Deputados federais baianos do PT se juntaram a manifestantes no Campo Grande, em Salvador, na tarde desta sexta-feira para pedir a renúncia de Michel Temer; "Estamos na rua e vamos continuar até Temer renunciar, porque o povo não pode mais de sujeitar a esse governo golpista, que não foi eleito e vem destruindo o Brasil", disse o deputado Robinson Almeida (PT); o ato foi organizado pela Frente Brasil Popular, com apoio de centrais sindicais, como CUT e CTB; segundo Aurino Pedreira, presidente do CTB na Bahia, o objetivo da manifestação foi "denunciar os malfeitos de Temer" (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Deputados federais baianos do PT se juntaram a manifestantes no Campo Grande, em Salvador, na tarde desta sexta-feira para pedir a renúncia de Michel Temer, que é acusado de obstruir a Justiça por comandar uma operação para comprar o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha na Operação Lava Jato.

"Estamos na rua e vamos continuar até Temer renunciar, porque o povo não pode mais de sujeitar a esse governo golpista, que não foi eleito e vem destruindo o Brasil", disse o deputado Robinson Almeida no vídeo acima.

O ato foi organizado pela Frente Brasil Popular, com apoio de centrais sindicais, como Central Única dos Trabalhadores (CUT) e Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).

Segundo Aurino Pedreira, presidente do CTB na Bahia, o objetivo da manifestação foi denunciar os malfeitos de Temer. "Hoje, estanos mobilizados por conta de três pontos: contra as reformas trabalhista e da previdência, contra Temer e a favor das diretas já. Esse presidente não tem condições de governar esse país. Queremos que esse governo caia e, para isso, vamos continuar nas ruas", disse Aurino.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247