Marchezan: saúde, segurança e empregos são prioridades

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior (PSDB), elegeu três prioridades do governo: saúde, segurança e geração de empregos; segundo ele, a abertura de postos de saúde até as 22h deve começar a se concretizar até o meio do ano; "A gente precisa evidentemente analisar a estrutura financeira da prefeitura, o que vai ficar para pagar e o fluxo de caixa desse ano. Mas a ideia é que nos próximos seis meses a gente tenha vários desse postos de saúde abertos e, se for viável financeiramente, até o fim do ano todos os oito postos em oito regiões estarão abertos", sustentou

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior (PSDB), elegeu três prioridades do governo: saúde, segurança e geração de empregos; segundo ele, a abertura de postos de saúde até as 22h deve começar a se concretizar até o meio do ano; "A gente precisa evidentemente analisar a estrutura financeira da prefeitura, o que vai ficar para pagar e o fluxo de caixa desse ano. Mas a ideia é que nos próximos seis meses a gente tenha vários desse postos de saúde abertos e, se for viável financeiramente, até o fim do ano todos os oito postos em oito regiões estarão abertos", sustentou
O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior (PSDB), elegeu três prioridades do governo: saúde, segurança e geração de empregos; segundo ele, a abertura de postos de saúde até as 22h deve começar a se concretizar até o meio do ano; "A gente precisa evidentemente analisar a estrutura financeira da prefeitura, o que vai ficar para pagar e o fluxo de caixa desse ano. Mas a ideia é que nos próximos seis meses a gente tenha vários desse postos de saúde abertos e, se for viável financeiramente, até o fim do ano todos os oito postos em oito regiões estarão abertos", sustentou (Foto: Leonardo Lucena)

Rio Grande do Sul 247- O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior (PSDB), elegeu três prioridades do governo: saúde, segurança e geração de empregos. A abertura de postos de saúde até as 22h deve começar a se concretizar até o meio do ano, prevê ele.

"A gente precisa evidentemente analisar a estrutura financeira da prefeitura, o que vai ficar para pagar e o fluxo de caixa desse ano. Mas a ideia é que nos próximos seis meses a gente tenha vários desse postos de saúde abertos e, se for viável financeiramente, até o fim do ano todos os oito postos em oito regiões estarão abertos", sustentou. A entrevista foi concedida ao Jornal do Almoço.

Ele confirmou a prorrogação do prazo para pagar o Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) de 2017. O chefe do executivo negou aumento do imposto, mas disse que haverá uma atualização dos valores que, segundo ele, não ocorre há mais de 20 anos. O desconto de 12% na taxa seguirá até o dia 5 de fevereiro.

"Aumento de alíquotas não, mas a reorganização da planta, para que a gente tenha uma justiça tributária, e quem possui imóveis maiores e em regiões melhores, para que se tenha uma atualização dos valores do imóvel. Aqueles imóveis que tiveram uma valorização têm que se pagar acima desse valor. Isso é justiça tributária", afirmou ele durante entrevista ao Jornal do Almoço.

"Os compromissos que foram contratados para esse ano não têm previsão orçamentária de receita para honrá-los. E somado a isso, temos a despesas do ano passado. Então temos, sim, que analisar criteriosamente quais as prioridades dos compromissos assumidos anteriormente para ver quais serão pagos e quais terão que ser renegociados e alguma alternativa terá que ser buscada", complementou.

Ele não descartou a possibilidade de atrasar salários dos servidores. Marchezan prometeu avaliar a real situação dos cofres públicos para analisar quais compromissos terão prioridade. "A gente tem que ser verdadeiro. Não faremos mágicas e nem maquiagens. A gente sabe claramente que no ano passado a prefeitura não conseguiu honrar seus compromissos financeiros. Nós estamos analisando para ver o tamanho das despesas e o volume de recursos que ficaram pendentes e quem são esses fornecedores", complementou.

 

 

 

Ao vivo na TV 247 Youtube 247