CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Marconi e Paim entregam certificados do Pronatec

Governador e ministro da Educação, Henrique Paim, participaram de solenidade de entregar certificados de qualificação profissional do programa Pronatec; Marconi destacou a sinergia existente entre os governos do Estado e Federal em relação aos programas de qualificação profissional e ressaltou a importância do Bolsa Futuro; lembrou que, das 500 mil vagas da Bolsa Futuro, 200 mil são destinadas a estudantes de baixa renda, que até então estavam completamente à margem dos programas de capacitação profissional

Imagem Thumbnail
pronatec (Foto: José Barbacena)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Goiás247 - Ao lado do ministro da Educação, Henrique Paim, e de várias outras autoridades de Goiás e do Governo Federal, o governador Marconi Perillo participou na tarde desta terça-feira (1º), no Centro de Cultura e Convenções de Goiânia, da solenidade de entrega de certificados de qualificação profissional do Pronatec.

Em discurso no encerramento da cerimônia que reuniu centenas de alunos de várias partes do Estado, o governador destacou a sinergia existente entre os governos do Estado e Federal em relação aos programas de qualificação profissional. “Com nossa economia crescendo acima da média nacional, nosso desafio, mais do que nunca, é aumentar a produtividade dos nossos trabalhadores. Para isso, é necessário que façamos investimentos cada vez maiores na qualificação profissional e na inovação tecnológica. Daí a importância de ações e programas como o Pronatec e, no caso de Goiás, do Bolsa Futuro”, declarou.

Marconi destacou o Bolsa Futuro como o maior programa estadual de qualificação profissional do País, considerando-o um importante aliado do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Ele fez um rápido balanço das ações realizadas pelo Governo do Estado na área da educação com ênfase para os 340 mil goianos certificados através do Programa Bolsa Futuro e a meta de se chegar a 500 mil até o final deste ano.

Lembrou que, das 500 mil vagas da Bolsa Futuro, 200 mil são destinadas a estudantes de baixa renda, que até então estavam completamente à margem dos programas de capacitação profissional. “Já alcançamos 110 mil goianos de baixa renda capacitados. Na parcela do programa sem o incentivo financeiro, destinada aos goianos de qualquer renda, já alcançamos 230 mil certificações”, disse.

Por fim, o governador destacou que com a criação do Bolsa Futuro, em 2011, a Rede de Capacitação Profissional do Estado passou por um enorme salto qualitativo e quantitativo. Até 2010, os cursos de qualificação eram ministrados em 18 municípios. “A partir de 2011, quando teve início a nossa administração, nós traçamos e implantamos uma agressiva política de expansão da qualificação profissional. Atualmente, são 15 Institutos Tecnológicos – ITEGOS – e 110 Colégios Tecnológicos (Cotecs) em funcionamento em 83 municípios. Além disso, em parceria com o Ministério da Educação, senhor ministro, estamos, neste momento, construindo outras 5 unidades de qualificação profissional, as chamadas Escolas Técnicas Padrão 1.200, em outros cinco municípios”, concluiu.

Aparecida

Antes de prestigiar a formatura de estudantes do Pronatec, o governador esteve em Aparecida de Goiânia, a convite do prefeito Maguito Vilela, para, com o ministro da Educação, Henrique Paim, participar da inauguração do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Olaídes Bonifácio da Silva. O Cmei é um dos primeiros do país a ser construído com tecnologia canadense, e está sendo implantado em diversos estados. A obra é resultado de parceria do governo federal com a Prefeitura de Aparecida de Goiânia.

Após receber o agradecimento do prefeito Maguito pelas “excelentes parcerias que o governo do Estado tem celebrado com o município”, o governador afirmou que atendeu ao convite com carinho e fez questão de prestigiar a parceria, já que o governo de Goiás também celebra grandes parcerias com o governo federal e com a Prefeitura de Aparecida.  Ele agradeceu ao ministro Paim pela forma republicana com que sempre foi tratado pelo governo federal, e pelo aporte de recursos disponibilizados para investimentos na área da educação.

“Quando o senhor era secretário do Ministério e (Aloísio) Mercadante, ministro, foram muito generosos com o nosso Estado. Viabilizaram muitas escolas Padrão Século 21, e o maior volume de obras na área para Goiás”, disse o governador, que pediu ao ministro que estendesse os agradecimentos à presidente Dilma Rousseff. Ele informou a Paim que 1.050 escolas públicas estaduais foram reformadas até o momento e, que, para este ano, a previsão é entregar 513 quadras cobertas.

“Essa reunião demonstra nossas forças. De forma convergente, governo do Estado, governo federal e Prefeitura de Aparecida de Goiânia estão conseguindo avançar juntos”, declarou. Estiveram presentes o subchefe de Assuntos Federativos da Presidência da República, Olavo Noleto, o prefeito de Anápolis, Antônio Gomide, e secretários municipais e estaduais.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO