Maria do Rosário: “Lula é inocente e sua prisão é injusta”

Deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) também criticou duramente o processo do triplex no Guarujá (SP), em que o ex-presidente Lula foi condenado sem provas tanto na primeira como na segunda instância jurídica; "Quando alguém investido de poder do estado persegue um cidadão, não há outro nome: abuso de autoridade. Todo roteiro de Moro, desde grampo ilegal, prejulgamento, condenação sem provas e constrangimento midiático como um cruzado, violam processo legal e direitos humanos", afirmou

Maria do Rosário: “Lula é inocente e sua prisão é injusta”
Maria do Rosário: “Lula é inocente e sua prisão é injusta” (Foto: Billy Boss - Câmara dos Deputados)

Rio Grande do Sul 247 - "Lula é inocente e sua prisão é injusta", escreveu a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) nesta sexta-feira (6) em sua conta no Twitter. A parlamentar aproveitou para criticar duramente o processo do triplex no Guarujá (SP), em que o ex-presidente foi condenado sem provas tanto na primeira como na segunda instância jurídica. 

"Quando alguém investido de poder do estado persegue um cidadão, não há outro nome: abuso de autoridade. Todo roteiro de Moro, desde grampo ilegal, prejulgamento, condenação sem provas e constrangimento midiático como um cruzado, violam processo legal e direitos humanos", afirmou a congressista.

A condenação de Lula foi questionada por vários juristas brasileiros. Inclusive, quando o Ministério Público Federal (MPF), denunciou o ex-presidente, em setembro de 2016, o procurador Henrique Pozzobon confessou não haver "prova cabal" de que Lula era o proprietário do apartamento, que seria uma espécie de propina no valor de R$ 3,7 milhões dada pela empreiteira OAS.

Também vale ressaltar que a Justiça do Distrito Federal determinou em janeiro deste ano a penhora dos bens da construtora e um dos ativos penhorados foi o triplex que a Operação Lava Jato atribuíu ser do ex-presidente.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247