HOME > Geral

Microcefalia: TO não tem caso de relação com zika

O Tocantins registrou, até o último dia 16, 4.361 casos suspeitos de zika vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti; o número de casos de microcefalia em investigação de 115, mas, até o momento, nenhum ainda foi confirmado tendo relação com o zika; de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), de janeiro até março deste ano, 107 gestantes foram notificadas com suspeita de ter contraído o zika vírus e três casos foram confirmados; a pasta informou que as gestantes com suspeita ou confirmação de zika estão sendo acompanhadas pela Equipe Estratégia Saúde da Família e farão o pré­natal nas Unidades Básicas de Saúde (UBS)

O Tocantins registrou, até o último dia 16, 4.361 casos suspeitos de zika vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti; o número de casos de microcefalia em investigação de 115, mas, até o momento, nenhum ainda foi confirmado tendo relação com o zika; de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), de janeiro até março deste ano, 107 gestantes foram notificadas com suspeita de ter contraído o zika vírus e três casos foram confirmados; a pasta informou que as gestantes com suspeita ou confirmação de zika estão sendo acompanhadas pela Equipe Estratégia Saúde da Família e farão o pré­natal nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) (Foto: Leonardo Lucena)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Tocantins 247 -  O Tocantins registrou, até o último dia 16, 4.361 casos suspeitos de zika vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti. O número de casos de microcefalia em investigação de 115, mas, até o momento, nenhum ainda foi confirmado tendo relação com o zika.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), de janeiro até março deste ano, 107 gestantes foram notificadas com suspeita de ter contraído o zika vírus e três casos foram confirmados. A pasta informou que as gestantes com suspeita ou confirmação de zika estão sendo acompanhadas pela Equipe Estratégia Saúde da Família e farão o pré­natal nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

O Ministério da Saúde investiga os casos suspeitos de microcefalia e outras alterações do sistema nervoso, sugestivas de infecção congênita. Até o dia 26, 130 dos 944 casos de microcefalia confirmados tiveram resultado positivo para o zika vírus. O balanço traz 4.291 suspeitos - 1.541 descartados. O restante continua em investigação.

Também foram registradas no estado 208 mortes, fetal ou neonatal - 47 foram confirmadas para microcefalia ou alteração do sistema nervoso central, 139 continuam em investigação e 22 foram descartadas.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: