Minas Mais Resiliente receberá R$ 41 milhões

O Gabinete Militar do Governador, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), acaba de firmar convênio de cooperação técnica com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros; o acordo, que prevê transferência de recursos financeiros e investimento direto da ordem de R$ 41 milhões no período de 2016-2019, tem por objetivo assegurar a execução do Programa Minas Mais Resiliente (MMR); o programa, criado pelo Governo de Minas Gerais, busca a estruturação das ações de redução do risco de desastres em todos os municípios do estado

O Gabinete Militar do Governador, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), acaba de firmar convênio de cooperação técnica com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros; o acordo, que prevê transferência de recursos financeiros e investimento direto da ordem de R$ 41 milhões no período de 2016-2019, tem por objetivo assegurar a execução do Programa Minas Mais Resiliente (MMR); o programa, criado pelo Governo de Minas Gerais, busca a estruturação das ações de redução do risco de desastres em todos os municípios do estado
O Gabinete Militar do Governador, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), acaba de firmar convênio de cooperação técnica com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros; o acordo, que prevê transferência de recursos financeiros e investimento direto da ordem de R$ 41 milhões no período de 2016-2019, tem por objetivo assegurar a execução do Programa Minas Mais Resiliente (MMR); o programa, criado pelo Governo de Minas Gerais, busca a estruturação das ações de redução do risco de desastres em todos os municípios do estado (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 - O Gabinete Militar do Governador, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), acaba de firmar convênio de cooperação técnica com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. O acordo, que prevê transferência de recursos financeiros e investimento direto da ordem de R$ 41 milhões no período de 2016-2019, tem por objetivo assegurar a execução do Programa Minas Mais Resiliente (MMR). O programa, criado pelo Governo de Minas Gerais, busca a estruturação das ações de redução do risco de desastres em todos os municípios do estado.

Os recursos serão investidos no custeio da cessão de espaços físicos, de veículos, de pessoal, aquisição de combustível para veículos e aeronaves, realização de seminários e intercâmbio de informações técnicas, implementação de Ensino a Distância no campo da proteção e defesa civil, dentre outras ações. 

Haverá, também, a aquisição de duas aeronaves (helicópteros), duas unidades móveis de abastecimento, dois caminhões para transporte de material de ajuda humanitária e uma máquina para impressão de materiais gráficos. Todos os equipamentos serão utilizados nas atividades de proteção e defesa civil, nas fases de prevenção, preparação, mitigação e resposta, com o suporte dos órgãos parceiros, fundamentais para a atuação qualificada do Sistema de Proteção e Defesa Civil no âmbito estadual.

​O convênio, celebrado em 28 de dezembro de 2016, representa um marco na história da proteção e defesa civil em Minas Gerais, materializado pelo maior investimento na área desde a criação da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, no ano de 1977.

Minas Mais Resiliente

Além da estruturação dos órgãos estaduais, o Programa Minas Mais Resiliente possui metas de incentivo ao protagonismo local na gestão da proteção e defesa civil. Para esse objetivo, a meta é entregar, neste ano de 2017, um total de 40 kits constituídos de veículos, computadores, smartphones, coletes de identificação, dentre outros itens, que beneficiarão a população de 40 municípios credenciados por meio de edital publicado no ano passado. Somente nesta ação, serão investidos mais de R$ 6 milhões

A perspectiva, segundo a Cedec, é a de que, gradativamente, todos os municípios do Estado estejam equipados com os kits. Em contrapartida, eles deverão atuar sistematicamente nas ações preventivas de proteção e defesa civil, fortalecendo o sistema do Estado com um todo.

As ações realizada no contexto do programa representam etapas na consolidação da filosofia de construção de cidades resilientes. A estratégia é inspirada na campanha da Organização das Nações Unidas (ONU), denominada “Construindo Cidades Resilientes”, que serviu de referência para a criação do Minas Mais Resiliente. Desta forma, o Estado se mantém ainda mais alinhado com as práticas internacionais de Gestão do Risco de Desastres e do Desastre.

*Com assessoria

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email