CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Mourão e Lelis se lançam pré-candidatos nas eleições indiretas

Um dia depois da renúncia do governador e vice-governador do Tocantins, partidos de oposição já começam a se articularem para lançar nomes para disputar a eleição indireta que escolherá quem irá governar o Estado até o fim do ano; em manifesto divulgado neste sábado, 5, o PT estadual repudiou as saídas de Siqueira Campos e João Oliveira e disse que está lançando o ex-prefeito Paulo Mourão como pré-candidato nas eleições; já o PV anunciou que o deputado Marcelo Lelis também irá concorrer ao pleito

Imagem Thumbnail
Um dia depois da renúncia do governador e vice-governador do Tocantins, partidos de oposição já começam a se articularem para lançar nomes para disputar a eleição indireta que escolherá quem irá governar o Estado até o fim do ano; em manifesto divulgado neste sábado, 5, o PT estadual repudiou as saídas de Siqueira Campos e João Oliveira e disse que está lançando o ex-prefeito Paulo Mourão como pré-candidato nas eleições; já o PV anunciou que o deputado Marcelo Lelis também irá concorrer ao pleito (Foto: Aquiles Lins)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Tocantins 247 - Os partidos de oposição ao governo do Estado não perderam tempo já divulgaram pré-candidatos às eleições indiretas para governador e vice-governador que acontecerão nos próximos 30 dias. Em manifesto divulgado neste sábado, 5, o Partido dos Trabalhadores anunciou que está lançando o ex-prefeito de Porto Nacional Paulo Mourão como pré-candidato a governador. O PV também anunciou o nome do deputado estadual Marcelo Lélis como pré-candidato ao pleito indireto. 

No manifesto, o PT repudiou a renúncia do ex-governador Siqueira Campos (PSDB) e do seu vice João Oliveira (DEM). "É um gesto de desrespeito ao povo tocantinense e às instituições democráticas de direito. É um gesto de quem se considera acima da democracia e de quem coloca os interesses pessoais acima dos interesses da coletividade", disse o partido. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O PT afirmou que lança Paulo Mourão como pré-candidato a governador nas eleições indiretas para ter "um debate qualificado". "É por esta razão que comunicamos ao povo tocantinense que o PT apresentará a candidatura de Paulo Mourão às eleições indiretas na Assembleia Legislativa, para assegurar que haja um debate qualificado com a sociedade sobre o momento que vivemos, e a necessidade de romper com esse  modelo de  política atrasada, que envergonha nosso Estado, denunciando as mazelas e a falta de compromisso em enfrentar e solucionar os problemas vivenciados pela nossa gente", diz o texto. (leia aqui a íntegra do manifesto do PT)

Já o PV afirmou que as articulações políticas que levaram à eleição indireta "mancham a história política do Tocantins". Para Marcelo Lelis, há um sentimento na população que clama por mudança. “Esse sentimento que estava reprimido começa a aflorar. Ninguém aguenta mais servir de instrumento para beneficiar interesses particulares. Não tenho dúvida que a resposta a todas essas atitudes antidemocráticas será dada nas urnas, no dia 5 de outubro”, diz Marcelo Lelis. O pevista afirmou ainda que irá conversar com outros pré-candidatos a governador pelos partidos de oposição para que lancem seus nomes para a disputa indireta. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO