Neofascismo: Mantega é expulso do Einstein

Aos gritos de 'Vai pro SUS', o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, foi expulso do hospital Albert Einstein, um dos mais renomados de São Paulo; vídeo mostra insultos ao ex-ministro, que se retirou do local; ele estava acompanhado da esposa Eliane Berger, que se trata de um câncer; intolerância política no Brasil atinge níveis inaceitáveis de incivilidade, que prenunciam um neofascismo no País; agressões têm sido promovidas por forças políticas que se mostram incapazes de conviver numa democracia; em nota, o Einstein disse que "lamenta o fato ocorrido em seu ambiente" e que não identificou nenhum médico ou enfermeiro nas agressões

Aos gritos de 'Vai pro SUS', o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, foi expulso do hospital Albert Einstein, um dos mais renomados de São Paulo; vídeo mostra insultos ao ex-ministro, que se retirou do local; ele estava acompanhado da esposa Eliane Berger, que se trata de um câncer; intolerância política no Brasil atinge níveis inaceitáveis de incivilidade, que prenunciam um neofascismo no País; agressões têm sido promovidas por forças políticas que se mostram incapazes de conviver numa democracia; em nota, o Einstein disse que "lamenta o fato ocorrido em seu ambiente" e que não identificou nenhum médico ou enfermeiro nas agressões
Aos gritos de 'Vai pro SUS', o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, foi expulso do hospital Albert Einstein, um dos mais renomados de São Paulo; vídeo mostra insultos ao ex-ministro, que se retirou do local; ele estava acompanhado da esposa Eliane Berger, que se trata de um câncer; intolerância política no Brasil atinge níveis inaceitáveis de incivilidade, que prenunciam um neofascismo no País; agressões têm sido promovidas por forças políticas que se mostram incapazes de conviver numa democracia; em nota, o Einstein disse que "lamenta o fato ocorrido em seu ambiente" e que não identificou nenhum médico ou enfermeiro nas agressões (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, foi expulso do hospital Albert Einstein, no último dia 19. Ele estava acompanhado da esposa Eliane Berger, que se trata de um câncer.

Aos gritos de 'vai pro SUS' e sob insultos, ele decidiu se retirar do local.

A intolerância política no Brasil atinge níveis inaceitáveis de incivilidade, que prenunciam um neofascismo no País. Agressões têm sido promovidas por forças políticas que se mostram incapazes de conviver numa democracia.

Assista o vídeo, que sugere que profissionais da medicina também participaram das agressões:

Em nota, o Hospital Albert Einstein prestou o seguinte esclarecimento:

O Hospital Israelita Albert Einstein informa que o ex-Ministro Guido Mantega esteve nessa Instituição no dia de ontem como visitante. Como Instituição, o Hospital recebe igualmente a todos, pacientes ou não, rechaça qualquer atitude de intolerância e lamenta o fato ocorrido em seu ambiente.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email