CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Neymar 1, Rentería 0

Santos vence Once Caldas na Colmbia, com gol de Alan Patrick,e d passo importante para o jogo de volta no Pacaembu pela Libertadores

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Por Márcio Kroehn_247 - O árbitro demorou para apitar o início de Once Caldas e Santos, o que parece ter feito bem para os jogadores. Até os 15 minutos, as duas equipes criaram boas chances de gol. Era lá e cá. Mas dois nomes mostraram que podiam ser decisivos. Pelo lado do Once Caldas, o atacante Rentería, que jogou pelo Internacional, movimentava-se bem e dava trabalho para a defesa santista. Aos cinco minutos, por exemplo, ele se livrou da marcação e cabeceou livre na pequena área, por cima do gol. A resposta santista veio com Neymar, que tabelou com Zé Eduardo e bateu de esquerda, mas sem direção. Rentería continuou tentando abrir espaços na bem postada marcação santista, aproveitando o maior volume de jogo do seu time, enquanto Neymar não conseguia receber a bola. Aos 37 minutos, o camisa 11 santista voltou para buscar o jogo no meio de campo. Era como se dissesse: "estou aqui, mandem pra mim". Os santistas entenderam o recado e, aos 42, ele recebeu na intermediária do lado direito do campo, atraiu a marcação e abriu um corredor para Alan Patrick que, sozinho, dominou e escolheu o canto esquerdo para fazer 1 a 0.

No segundo tempo, a torcida do Once Caldas entendeu por que Neymar é um dos principais jogadores brasileiros. Liderava o time como um veterano, apesar dos 19 anos de idade. Caindo pela esquerda, ele driblava, tentava e incomodava a defesa até ser puxado pelo zagueiro Calle, que recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso antes dos 15 minutos de jogo. Era o que o time de Muricy precisava para fazer dois, três. Mas a equipe parou. E o time colombiano sabia que recuar era um péssimo negócio. Foi para cima dos Santos, que preferia administrar a vantagem, e Rentería tentou aos 25 minutos, mas chutou para fora, aos 30 Rafael espalmou para escanteio. E aos 34 ele chutou por cima. A pressão era natural, mas foi em vão. Sempre que a bola sobrava para os santistas, Neymar era a referência para incomodar os colombianos, que estão com três meses de salários atrasados. Os jogadores do Once Caldas ameaçam, até, não viajar para o Brasil caso o dinheiro não caia na conta deles nos próximos dias. Na semana que vem, o jogo é no Pacaembu. E o Santos trouxe uma boa vantagem na bagagem: 1 a 0 para Neymar.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO