Neymar brilha e Muricy diz que ele é o melhor que já viu

Aps marcar os 3 gols na vitria do Santos sobre o Internacional pela Libertadores, craque recebeu elogios de todos os lados

Neymar brilha e Muricy diz que ele é o melhor que já viu
Neymar brilha e Muricy diz que ele é o melhor que já viu (Foto: ALE VIANNA/AGÊNCIA ESTADO)

Fim de jogo. Neymar, exausto, desaba em campo e só se levanta com a ajuda dos companheiros que foram cumprimentá-lo. Os jogadores do Internacional também se perfilaram para render homenagens ao novo fenômeno do futebol brasileiro. Após trocar a camisa com um adversário, Neymar viu Dorival Júnior saindo de campo, caminhou na sua direção e o parou com um longo abraço. Depois da exibição de gala, o garoto prodígio recebeu tratamento de rei.

Provavelmente sem ainda ter ideia da beleza plástica dos seus dois últimos gols, Neymar pouco falou após o jogo. "Já são três anos como profissional. Muita coisa aconteceu na minha vida, mas a melhor delas é o meu filho (Davi Lucca, nascido em agosto do ano passado). Ele tem me dado muita sorte". A respeito dos gols, afirmou ter gostado mais do segundo (o primeiro após ter convertido o pênalti). "Foi o mais complicado, acho que pela marcação".

Como não poderia deixar de ser, Neymar foi o assunto que abriu e tomou a maior parte da coletiva do técnico Muricy Ramalho. "Desfrutamos de ter um jogador desse perto. É uma alegria grande estamos carentes de grandes craques, a maioria vai para fora. Neymar é um fenômeno e caminha para ser o cara para ajudar o Brasil na Copa do Mundo de 2014".

Muricy Ramalho estava deslumbrado com o que viu nesta quarta-feira na vitória do Santos por 3 a 1 contra o Internacional, na Vila Belmiro. "Joguei e trabalhei com muita gente (jogadores) boa, mas ninguém parecido com Neymar. Ele consegue improvisar em cima do improviso, tem facilidade para driblar em velocidade, o que é muito difícil. Para fazer o que ele faz é preciso muita técnica".

O treinador santista contou que durante a concentração o time assistiu à goleada por 7 a 1 do Barcelona em cima do Bayer Leverkusen, da Alemanha, e que todos vibraram com os cinco gols e a grande atuação de Messi. "Neymar já está entre os cinco melhores jogadores do mundo, mas Messi é disparado o melhor", reconheceu. Ele também não concorda que o camisa 11 está se aproximando do que Pelé fez no século passado. "Pelé não tem comparação. Ele tem que ficar de fora de qualquer comparação".

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247