O adeus de um grande goleiro

"Tive uma linda carreira", disse o holands Van der Sar, ao anunciar sua aposentadoria

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Quando o árbitro Viktor Kassai apitou o final da decisão da Liga dos Campeões da Europa, no último sábado, entre Manchester United e Barcelona, a carreira de um dos maiores goleiros dos últimos anos estava encerrada. Aos 40 anos, Edwin van der Sar aposentava-se oficialmente do futebol profissional.

Foram mais de 20 anos de carreira, nos quais ganhou 26 títulos. Entre eles, foram duas conquistas da Liga dos Campeões da Europa duas do Mundial de Clubes, quatro do Campeonato Holandês e quatro do Campeonato Inglês. "Eu tive uma grande carreira. Ganhei diversos títulos na Holanda e na Inglaterra, mas o momento que ficará para sempre foi a defesa diante do Anelka (na disputa por pênaltis da decisão da Liga dos Campeões da Europa, em 2008, entre Manchester United e Chelsea)", declarou o ex-goleiro ao site da Fifa.

Van der Sar iniciou sua vitoriosa trajetória pelo Ajax, na temporada 1990/1991, e fez parte de um dos melhores times da história do clube, que conquistou a Liga dos Campeões de 1994/1995. Já credenciado como um dos grandes goleiros do mundo, foi para a Juventus, em 1999. No clube italiano, não repetiu as boas atuações e acabou sendo negociado com o Fulham, duas temporadas depois. Na Inglaterra voltou à velha forma e após quatro anos acertou com o Manchester United. Já veterano, o goleiro voltou a ser considerado um dos melhores do mundo.

A página final de sua carreira, no entanto, não foi do jeito que esperava. Em sua partida final como jogador profissional, Van der Sar viu sua equipe ser envolvida pelo Barcelona e derrotada por 3 a 1 na decisão do torneio europeu. "Estou razoavelmente relaxado no momento. Obviamente estou desapontado, mas no geral estou bem", disse, após o jogo.

A ideia do goleiro era abandonar o futebol em grande fase. Nas últimas semanas, no entanto, ele vinha oscilando em suas atuações, o que fez com que pensasse em adiar a sua aposentadoria. "Ele veio a mim e disse que estava pensando em mudar de ideia. Respondi a ele para pensar rápido, porque estamos fechando a contratação de um novo goleiro. Ele voltou dois dias depois e disse que manteria sua decisão original, o que acho que, por sua idade, é a coisa certa a fazer", declarou o técnico Alex Ferguson, antes de elogiar o holandês.

"Sua carreira foi absolutamente fantástica. Não é apenas pelo que ele fez no campo de futebol, mas sim por como ele lida consigo próprio como profissional e ser humano. Ele é absolutamente incrível. No vestiário, nos intervalos e antes dos jogos, sempre foi simplesmente fantástico", avaliou o treinador.

Agora aposentado, Van der Sar já definiu o que quer fazer nos próximos anos. "A primeira coisa que quero fazer é me afastar do futebol um pouco, porque acho que a vida fora desse mundo pode ser divertida da mesma forma. Obviamente será difícil, claro que sentirei saudade, principalmente quando a próxima temporada começar e vir meu time jogar, mas todas as coisas boas chegam ao fim", completou o ex-goleiro.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email